Rhodolfo volta, mas Grêmio deve jogar no 4-3-3 diante do Corinthians

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

De grande atuação e autor de um golaço no Gre-Nal, o chileno Vargas é presença quase certa na partida desta quarta, pela Copa do Brasil

Ausência gremista no Gre-Nal deste domingo, o zagueiro Rhodolfo é retorno garantido na equipe do técnico Renato Gaúcho para o jogo desta quarta, contra o Corinthians, pela Copa do Brasil. Embora tenha deixado o jogo da semana passada, contra o próprio time paulusta, com dores musculares, o defensor foi poupado do clássico justamente para ter condições de jogo na decisão. Recuperado, vai a campo.

Técnicos aprovam provocações "sadias" do Gre-Nal em Caxias do Sul

Com isso, Renato terá à disposição seus três zagueiros titulares para o clássico. Bressan apresenta condições normais e Werley, apesar de ter deixado o Gre-Nal lesionado no intervalo, com dores na coxa, não preocupa o departamento médico. No entanto, isso não significa que o time atuará num 3-5-2 nesta quarta, por um motivo: Eduardo Vargas.

Flickr/Grêmio
Rhodolfo, zagueiro do Grêmio

De grande atuação e autor de um golaço no Gre-Nal, o chileno é presença quase certa na partida desta quarta. Como precisa da vitória e enfrentará uma defesa muito forte, o Grêmio deve atuar no 4-3-3 contra o Corinthians, com Kleber e Barcos ao lado de Vargas no ataque. No meio, os três volantes que garantem a solidez defensiva da equipe: Souza, Ramiro e Riveros.

Renato, porém, não quis confirmar o time que enfrentará o Corinthians após o empate em 2 a 2 contra o Internacional, em Caxias do Sul. O Grêmio fará um trabalho de recuperação nesta segunda, e na terça deve realizar o único treino visando ao confronto de quarta. A escalação só deve ser anunciada momentos antes da partida na Arena.

Leia tudo sobre: Grêmiorhodolfocopa do brasil

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas