Fluminense recebe a ameaçada Ponte Preta para se afastar do rebaixamento

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Um tropeço, aliado a uma combinação de resultados, pode levar o time carioca para a zona de degola, onde se encontra a equipe de Campinas, que soma 29 pontos

Paulo Fonseca/Photocamera
Fluminense perdeu do Cruzeiro na última rodada

Disposto a mostrar que não vai passar sufoco na reta final do Campeonato Brasileiro, o Fluminense recebe a Ponte Preta neste sábado, às 16 horas (de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), pela trigésima rodada da competição. O Tricolor vem de derrota de 1 a 0 para o Cruzeiro e se encontra estacionado nos 35 pontos, flertando perigosamente com a zona de rebaixamento.

Um tropeço, aliado a uma combinação de resultados, pode levar o Tricolor para a área de queda, onde se encontra a Macaca, que soma 29 pontos. O time campineiro, porém, ganhou novo fôlego com o triunfo por 1 a 0 sobre o Coritiba, no meio de semana, o que aumentou a esperança de permanência na elite do futebol nacional.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

Para sair vitorioso, o Fluminense vai precisar superar um princípio de crise. Os muros da sede foram pichados após a derrota para o Cruzeiro e vários jogadores estão sendo hostilizados. Apresar disso, os atletas pregam tranquilidade como arma para superar a Ponte Preta.

"É fundamental termos tranquilidade neste jogo e não nos deixarmos levar pela situação na tabela de classificação. Trata-se de uma partida de seis pontos, pois, se ganharmos, vamos ter um pouco mais de paz nas próximas partidas e com certeza o nosso caminho estará facilitado. Temos que pensar em cada jogada, não nos afobarmos e encontrarmos o melhor momento de decidirmos o jogo", disse o zagueiro Gum.

Os jogadores do Fluminense entendem que se o time fizer bem a lição de casa nesta reta final de Brasileirão não vai correr riscos. O Tricolor, nas nove rodadas restantes, jogará como mandante contra a Ponte Preta, Vitória, Náutico, São Paulo e Atlético-MG.

"São cinco jogos em casa e temos que trabalhar para ganhar todos e fazer os quinze pontos. Isso sem falar que temos condições de pontuarmos como visitante, mas como anfitrião é sempre melhor. Portanto, cada um dos jogos que vamos fazer no Rio de Janeiro será uma final de campeonato. A começar com esse contra a Ponte Preta, que será trabalhoso", disse o volante Jean.

Rodrigo Villalba/Futura Press
Ponte vem de vitória diante do Fluminense

Pelo lado da Ponte Preta, a partida contra o Fluminense também está sendo tratada como uma decisão. "Nós estamos nos planejando para algumas decisões nesta reta final de Campeonato Brasileiro, alguns jogos que são confrontos diretos, como esse contra o Fluminense. Se ganharmos deles vamos encurtar a distância e trazer o Fluminense de vez para essa briga. É nisso que devemos pensar, em buscar a vitória como se fosse uma final", ensinou o goleiro Roberto.

Para este compromisso Vanderlei Luxemburgo perdeu jogadores importantes para este jogo. O meia Felipe e o atacante Rafael Sobis, expulsos contra o Cruzeiro, ficam de fora. Assim como o atacante Rhayner, que é reserva, mas que também está suspenso porque foi advertido com o terceiro cartão amarelo em Minas Gerais.

O apoiador Wagner, com dores na coxa direita, é dúvida. Assim, caso ele não possa atuar, Diguinho, que volta de suspensão, deve entrar no meio, enquanto que a vaga de Sobis será preenchida por outro que estava suspenso, Biro-Biro. Outra mudança certa acontecerá no gol, com a saída de Kléver para a entrada de Diego Cavalieri, que estava a serviço da Seleção Brasileira em amistosos internacionais.

Em termos de escalação a Ponte Preta terá dois reforços importantes. O zagueiro Ferrón e o meia Elias voltam de suspensão e ocuparão os postos de César e de Adrianinho, respectivamente.

No primeiro turno as duas equipes se enfrentaram no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP), e empataram por 1 a 1. Gum abriu o placar para o Tricolor, mas William garantiu a igualdade para a Macaca.

O jogo deste sábado será em um horário pouco comum para o dia porque a Ponte Preta viajará à Colômbia para medir forças com o Deportivo Pasto pelo confronto de volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana. A Macaca ganhou por 2 a 0 na ida e pode até perder por um gol de diferença que vai avançar.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE-RJ X PONTE PRETA-SP

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 19 de outubro de 2013 (Sábado)
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG)
Assistentes: Janete Arcanjo (Fifa-MG) e Fabiano Ramires (ES)

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Gum, Edinho e Leandro Euzébio; Bruno, Jean, Wagner (Diguinho), Rafinha e Ailton; Biro-Biro e Samuel
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

PONTE PRETA: Roberto, Régis, Ferrón, Diego Sacoman e Uendel; Baraka, Fellipe Bastos e Elias; Rildo, Leonardo e William
Técnico: Jorginho

Leia tudo sobre: fluminenseponte pretabrasileirãoigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas