Corinthians perde mando de campo e Emerson Sheik por um jogo

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Clube foi julgado por incidente em jogo contra a Portuguesa, enquanto atacante levou gancho por cotovelada em adversário

Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Emerson em treino do Corinthians

A situação do Corinthians se complicou ainda mais no Campeonato Brasileiro nesta sexta-feira. Enquanto se vê cada vez mais envolvido na luta contra o rebaixamento, foi julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por incidentes na goleada por 4 a 0 para a Portuguesa e perdeu um mando de campo.

Comente esta notícia com outros torcedores

O Corinthians foi levado a julgamento devido a lance ocorrido aos oito minutos do segundo tempo do revés contra a Portuguesa no estádio Morenão, no Mato Grosso do Sul. O time já perdia por 3 a 0 em Campo Grande quando Alexandre Pato balançou as redes de Lauro, mas foi flagrado em impedimento pelo bandeira Bruno Salgado Rizzo.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

Revoltado, um torcedor corintiano atirou uma garrafa de plástico no gramado e acertou a cabeça do assistente, que logo indicou ao árbitro Raphael Klaus e ao delegado da partida. O clube já havia sido punido por confusões contra o Vasco da Gama em Brasília e mandou dois jogos em Mogi Mirim e agora terá de buscar outro lar mais uma vez. Além disso, pode ser punido por conflito com a torcida do São Paulo no Morumbi.

Os prejuízos, no entanto, não param por aí. No mesmo duelo, Emerson Sheik acertou cotovelada no rosto do volante Ferdinando e sequer recebeu cartão amarelo. O vídeo do lance foi levado ao STJD, o atacante foi punido com uma partida de suspensão e não encara o Criciúma pela 30ª rodada da Série A.

Já o zagueiro Gil, expulso diante da Lusa por falta dura em Bergson, recebeu apenas uma partida de punição e, como já cumpriu a suspensão automática, não será problema para o técnico Tite no confronto com os catarinenses às 21 horas (de Brasília) deste sábado. O jogo será disputado no Novelli Júnior, em Itu, dando sequência à última punição causada pela briga entre torcidas no Distrito Federal.

Leia tudo sobre: corinthiansstjdemerson sheikbrasileirao

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas