"Imagina se é o Claudinei sem ganhar por tantos jogos, onde eu estaria agora?", pergunta o treinador do Santos, em comparação como colega do Corinthians

Claudinei Oliveira aposta que Tite terá condições de tirar o Corinthians da crise atual
Flickr/Santos F.C.
Claudinei Oliveira aposta que Tite terá condições de tirar o Corinthians da crise atual

A polêmica envolvendo a situação do técnico Tite, do Corinthians , que esteve perto de ser demitido do clube por conta da série de jogos sem vitória no Campeonato Brasileiro , mas que acabou sendo mantido no clube , foi comentada por Claudinei Oliveira, treinador do Santos , nesta sexta-feira. Para ele, o comandante corintiano tem condições de tirar o rival da má fase.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"O Corinthians acertou quando manteve o Tite, depois do jogo com o Tolima (pré-fase de grupos da Copa Libertadores da América de 2011), tanto que mais tarde foi premiado com isso, ganhando vários títulos. O Tite tem condições de tirar o Corinthians dessa situação", disse Claudinei.

No entanto, o treinador santista acredita que, no futebol brasileiro, a cultura de que é mais fácil trocar o comando técnico da equipe ainda é a mais simples de ser adotada. "É mais fácil trocar um do que vários. Às vezes, as coisas não estão acontecendo como o imaginado, então, fica mais fácil pegar o treinador e trocar o comando, mesmo que o clube identifique que o problema não é o técnico. Tem vezes que se muda por comodismo", comentou.

Veja ainda: Com futuro indefinido, Léo passa por cirurgia no menisco do joelho direito

O comandante alvinegro, porém, lembrou que profissionais em começo de carreira contam com um respaldo menor ao seu trabalho e citou o exemplo de sua situação no Santos. "Imagina se é o Claudinei sem ganhar por tantos jogos, onde eu estaria agora?", emendou.

Confira a classificação atualizada, artilharia e notícias do Brasileirão

Claudinei Oliveira, que assumiu como técnico interino do Santos, no fim de maio, em substituição a Muricy Ramalho, foi efetivado em agosto pelo clube praiano. O contrato do técnico é válido até o final do ano e, com a pressão interna, inclusive de membros do Comitê de Gestão do Santos - caso do promotor de justiça, Francisco Cembranelli, crítico do seu trabalho -, o seu futuro é incerto no cargo.

Time confirmado

Claudinei Oliveira já save a equipe que irá enfrentar o Náutico neste sábado, a partir das 18h30, válido pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. O lateral-direito Cicinho, que cumpriu suspensão automática no empate com o Internacional-RS , na última quarta-feira, por ter sido expulso na vitória sobre a Ponte Preta, volta ao time santista.

Com isso, Bruno Peres ficará à disposição no banco de reservas. O ala-esquerdo Eugenio Mena, depois de defender a seleção do Chile pelas Eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2014 , também retorna para a formação titular alvinegra.

Sobre o confronto com o Náutico, o treinador do Santos espera que os seus comandados não repitam os erros do duelo do primeiro turno, disputado no último dia 25. Na ocasião, o Santos não conseguiu impor o seu ritmo e ficou no empate, por 1 a 1, na Vila Belmiro.

"A equipe deve ser essa aí, com o retorno dos laterais, embora o Bruno Peres e o Emerson Palmieri tenham ido bem. No mais, vamos procura dar sequência para o time. Espero que com essas alterações, possamos enfrentar o Náutico da melhor maneira possível e, desta vez, vencer", disse Claudinei.

Sendo assim, os santistas irão atuar com a seguinte escalação: Aranha; Cicinho, Edu Dracena, Gustavo Henrique e Mena; Alison, Arouca, Cícero e Montillo; Thiago Ribeiro e Everton Costa.

* Com Gazeta Esportiva

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.