Aposta de Luxemburgo, Rafinha usa versatilidade como trunfo no Fluminense

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Volante de origem, jovem de 20 anos ganhou espaço entre os titulares com a chegada do treinador e já foi usado na armação e na lateral

Site oficial
Rafinha, volante do Fluminense

Ele subiu das categorias de base como volante. Conquistou espaço entre os profissionais do Fluminense ao longo da temporada nesta posição, mas já atuou como lateral-direito e como armador. A capacidade de fazer bem várias funções dentro de campo faz Rafinha se firmar entre os titulares e arrancar elogios do chefe.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"É um jogador que tem fome. A bola para ele é um prato de comida. É o meu curinga, então em qualquer lugar que ele entrar vai bem", disse o técnico Vanderlei Luxemburgo.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

Foi com o treinador que Rafinha passou de promessa à realidade no Fluminense. Durante todo o ano de 2012, o jovem de 20 anos foi usado apenas duas vezes por Abel Braga. Jogou pouco mais de dez minutos em ambas as oportunidades: uma pelo Campeonato Carioca, outra pelo Campeonato Brasileiro. A situação dele no clube mudou após a chegada de Luxemburgo, tanto que já participou de dez partidas em 2013 e foi titular em todas elas.

"O Luxemburgo já me utilizou no meio, na ponta, na lateral e onde ele me colocar, vou ficar feliz", declarou Rafinha. "Ele é muito gente boa, ótimo treinador. Tenho que agradecer primeiro a Deus e depois ao Luxemburgo por tudo o que vem acontecendo em minha vida."

Wagner Meier/Agif/Gazeta Press
Rafinha recebe orientação de Luxemburgo durante treino do Fluminense

Aos poucos, Rafinha tem sido cada vez mais reconhecido pelos torcedores nas ruas. Segundo ele próprio contou, os pedidos de fotos e autógrafos têm aumentado. A ascensão também não passou despercebida pela diretoria do Fluminense, que rapidamente tratou de valorizar o atleta com um novo contrato. Na última semana, ele assinou um acordo até 2016 e com uma multa rescisória de 20 milhões de euros (R$ 59 milhões).

A intenção do clube é aumentar uma trajetória que já é longa. Apesar de ter estreado pelos profissionais no último ano, Rafinha está nas Laranjeiras desde 2000. Na época, tinha apenas sete anos e chegou para jogar futsal, mas não demorou muito para chegar aos gramados e se destacar pelos campeonatos de base.

"Estou no Fluminense há muito tempo e sempre busquei chegar o mais longe possível no clube", disse Rafinha, que relatou um ambiente muito bom entre os profissionais, algo que ajuda na chegada dos garotos revelados pela base. "Estou à vontade. Os mais experientes nos tranquilizam e passam confiança. Por isso que, quando o professor precisa, nos sentimos à vontade pra jogar", completou.

Com Rafinha à disposição, o Fluminense entra em campo neste sábado pelo Campeonato Brasileiro. Sem vencer há cinco rodadas, encara a Ponte Preta buscando se afastar da zona de rebaixamento. Com 35 pontos, o time aparece em 15º lugar na tabela de classificação.

Leia tudo sobre: FluminenseBrasileirão

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas