Prass aponta incoerência do STJD ao julgar superlotação no Frasqueirão

Por Gabriela Chabatura - iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Goleiro não concordou com a decisão do tribunal, que aplicou apenas uma multa de R$ 30 mil ao clube de Natal

Frankie Marcone/Futura Press
Torcedores do ABC pulam alambrado para dentro do gramado devido a uma superlotação no Frasqueirão antes do jogo contra o Palmeiras

O goleiro Fernando Prass criticou a decisão do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) ao julgar o caso de superlotação do estádio Frasqueirão, na partida entre ABC e Palmeiras, no dia 5 de outubro. A Justiça aplicou apenas a multa de R$ 30 mil ao clube de Natal.

Deixe o seu recado e comente com os outros leitores

"Vejo o pessoal do STJD dando declarações fortes a respeito de cobranças que vem de fora, algumas com razão e outras descabidas. Mas é estranho. A multa foi de R$ 30 mil, um valor absurdamente insignificante perto do que poderia ter acontecido lá. Foi praticamente uma multa pelo atraso só", afirmou.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias da Série B

Na 27ª rodada, antes da partida entre ABC e Palmeiras, uma aglomeração de torcedores provocou o atraso de 30 minutos no início, porque não havia espaço suficiente para comportá-los. Quando o jogo estava preste a começar, torcedores, entre eles crianças e idosos, ficaram espremidos no alambrado e alguns tiveram de ser colocados por policiais para dentro do campo. Apesar do incidente, o clube potiguar garantiu que havia cumprido a regulamentação de capacidade do estádio.

'Não vim para substituir Marcos', diz Fernando Prass antes de 50ª partida

Sem citar o nome do clube, Prass comentou o episódio envolvendo o Grêmio, que teve torcedores envolvido em briga por policiais na Arena do Grêmio, em agosto.

"Não vou especificar nomes de clubes, mas houve brigas generalizadas, entre torcida e policial, coisa muito mais forte do que os dez, 15 que brigaram em Guaratinguetá, e o clube tomou R$ 20, R$ 30 mil de multa. Com as imagens que vi, dos episódios que vi com o Palmeiras e com as outras equipes, é um absurdo a punição que o Palmeiras recebeu", completou.

Desde o ano passado, o Palmeiras tem enfrentado problemas com o STJD. Durante a disputa da Série B, o time já perdeu Valdivia, Wesley e Mendieta, todos julgados punidos. Além disso, o clube perdeu mando de jogos e teve de jogar em Londrina.

Leia tudo sobre: palmeirasfernando prassserie bstjd

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas