Técnico do Al Ahly que enfrentou o Corinthians no Japão é baleado na Líbia

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Egípcio Hossam Al Badry na noite de sábado, na Líbia, depois seu time empatar um jogo

Arquivo iG
Hossam El Badry durante encontro contra o Corinthians no Mundial de Clubes de 2012

O técnico egípcio Hossam Al Badry foi baleado na noite do último sábado, na Líbia, poucas horas depois de o seu time, o Al Ahli Tripoli, da capital libanesa, empatar uma partida do campeonato local.

"Nosso técnico foi baleado na sua casa, após a partida da liga contra o Al Sowaihili, que terminou em 1x1. Ele está bem, mas abalado com o que aconteceu. Três homens em um carro atiraram nele. A polícia está investigando", declarou o clube à imprensa árabe.

Al Badry conduziu o Al Ahly, do Cairo, ao título da Liga dos Campeões da África de 2012, e comandou a equipe egípcia no último Mundial de Clubes, quando viu seu time ser derrotado pelo Corinthians na semifinal da competição.

O treinador assumiu o comando do time libanês em maio deste ano. A liga de futebol da Líbia, paralisada em fevereiro de 2011 por causa da guerra civil que culminou na morte do ditador Muammar Kadhafi, voltou a ser disputada no mês passado.

O incidente pode colocar em xeque as pretensões da Líbia, que pleiteia sediar a Copa das Nações Africanas de 2017.

Corinthians entra em campo para a estreia no Mundial de Clubes da Fifa, diante do Al Ahly. Foto: Getty ImagesCorinthians pressionou e Al Ahly jogou na defesa no primeiro tempo da partida semifinal do torneio. Foto: APDe cabeça, Guerrero marcou o gol do Corinthians aos 29 minutos do primeiro tempo da partida de estreia no Mundial de Clubes. Foto: Gazeta PressDanilo e Guerrero subiram para bola, mas foi o argentino quem mandou para o fundo da rede do Al Ahly. Foto: APMais um ângulo do gol do Corinthians para cima do Al Ahly. Foto: AFPGuerrero comemora gol com Emerson. Primeiro tempo acabou 1 a 0 para o Corinthians. Foto: APDepois do gol, Guerrero bate no peito e chama a torcida corintiana que compareceu ao estádio em Toyota. Foto: AFPDo outro lado do campo, goleiro Cássio comemora sozinho gol corintiano. Foto: Alan Morici / Ag. O DiaJogadores do banco de reservas do Corinthians de protegem do frio durante a primeira partida do time no torneio da Fifa. Foto: Gazeta PressDanilo e Paulo André acompanham de perto jogada do Al Ahly. Foto: Getty ImagesEmerson ficou no chão depois de trombada com jogador do time do Egito, mas logo se recuperou e seguiu em campo. Foto: Gazeta PressEmerson recebeu um rápido atendimento no primeiro tempo da partida. Foto: ReutersRamy Rabia, zagueiro do Al Ahly, lamenta chance perdida ainda no primeiro tempo da semifinal do Mundial de Clubes da Fifa. Foto: AFPGuerrero, do Corinthians, disputa bola com Hossam Ashour, do Al Ahly. Foto: AFPNo segundo tempo, Al Ahly colocou pressão e deu trabalho ao Corinthians. Foto: Alan Morici / Ag. O DiaChicão disputa jogada aérea. Corinthians se segurou no segundo tempo, viu tentativas do Al Ahly, mas venceu o jogo por 1 a 0. Foto: Getty ImagesCorintianos agradecem a torcida que compareceu ao estádio em Toyota depois da vitória sobre o Al Ahly. Foto: Gazeta PressTorcida do Corinthians acompanha a estreia do time no Mundial de Clubes da Fifa no estádio em Toyota. Foto: APBaixa temperatura na cidade japonesa não intimidou os corintianos. Foto: ReutersCamisas do Corinthians são vistas no vestiário antes da partida de estreia no Mundial de Clubes diante do Al Ahly. Foto: Getty ImagesRoupeiro separa luvas para os jogadores corintianos usarem no primeiro jogo no Mundial. Foto: Getty ImagesBandeira do Corinthians é agitada nas ruas de Toyota. Foto: Getty Images


compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas