Segundo o treinador, falha do meia argentino no terceiro gol do Internacional acabou sendo determinante para a derrota por 4 a 1

O gol que desestabilizou o Náutico na derrota por 4 a 1 sobre o Internacional , em partida válida pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro , foi creditado ao erro fatal do meia Diego Morales. O argentino, que substituiu Tiago Real, autor do gol alvirrubro, na segunda etapa, perdeu a bola que originou o tento de Willians, o terceiro do time gaúcho em Caxias do Sul. O equívoco foi lamentado pelo técnico Marcelo Martelotte, que admitiu o fato do atleta ter entrado desligado em campo.

Confira as imagens da 28ª rodada do Brasileirão


Confira a classificação atualizada, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

Quando questionado sobre a entrada do jogador, aos 22 minutos da etapa complementar, Martelotte afirmou que os suplentes nem sempre assimilam o forte ritmo implementado dentro de campo. Ademais, declarou que falta ritmo de jogo ao argentino, que só teve uma oportunidade entre os titulares do Timbu. A ocasião foi o dia 31 de Agosto, quando o Náutico foi derrotado pelo Atlético Paranaense pelo placar de 4 a 1, na Arena Pernambuco, em partida válida pela 17ª rodada da elite nacional.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Natural de Castelli (ARG), Diego Alberto Morales, de 26 anos, chegou ao elenco alvirrubro após uma passagem pelo Al-Ahli, da Arábia Saudita. Em seu país de origem, atuou pelo Chacarita Juniors, Armenio e Tigre.

O próximo compromisso da equipe de Recife será na próxima quarta-feira, quando os comandados de Marcelo Martelotte medem forças com o São Paulo no estádio do Morumbi. A bola rola às 21 horas na capital paulista.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.