Em seu último clássico, Ceni tenta salvar ano trágico contra rival Corinthians

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Goleiro já encarou o Corinthians cinco vezes em 2013. Foram três derrotas e dois empates com direito a lesão, polêmica e eliminação. Relembre os clássicos

Djalma Vassão/Gazeta Press
Rogério Ceni volta ao gol do São Paulo diante do Corinthians neste domingo

Maior ídolo da geração atual de são-paulinos, Rogério Ceni faz neste domingo, contra o Corinthians, seu último clássico com a camisa tricolor - a não ser que desista da aposentadoria no fim do ano. Vencer a partida no Morumbi significaria fechar em alta um retrospecto trágico de confrontos com o arquirrival em 2013.

Qual seu palpite para São Paulo x Corinthians? Comente com outros leitores

O goleiro foi talvez o jogador que mais sofreu com as três derrotas e os dois empates nos primeiros encontros, os quais incluíram lesão, polêmica, eliminação na semifinal do Campeonato Paulista e o vice da Recopa Sul-americana.

Leia mais: São Paulo e Corinthians fazem clássico tenso para definir quem se desespera

Desfalque na vitória de quarta-feira sobre o Cruzeiro por conta de suspensão, ele retoma a posição (ocupada momentaneamente pelo reserva Denis) e a braçadeira de capitão (usada pelo volante Wellington) ainda mais motivado e, aos 40 anos, é um reforço técnico e de liderança muito comemorado pelo elenco e o técnico Muricy Ramalho.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

"Ele é importante sempre, não só na volta de um clássico. Sua presença sempre é importante, como foi na quarta-feira, quando se propôs a ir a Belo Horizonte pagando a viagem do próprio bolso. Ele esteve no hotel, na preleção, no vestiário. É o tipo de sacrifício que ele faz para tentar ajudar de alguma forma", disse o treinador.

Fotos do São Paulo neste Brasileirão:

Rogério Ceni é festejado pelos companheiros de São Paulo após abrir o placar em Itu. Foto: Helio Suenaga/Gazeta PressDouglas é marcado por Léo Moura em ataque do São Paulo. Foto: Luís Moura/Gazeta PressAlém de cruzarem os braços, tricolores e rubro-negros bateram bola por um minuto. Foto: Marcos Bezerra/Futura PressAtletas de São Paulo e Flamengo se reúnem antes do jogo em Itu para combinar o protesto. Foto: Marcos Bezerra/Futura PressBruno Silva e Ganso disputam bola no jogo entre Atlético-PR e São Paulo. Paranaenses venceram por 3 a 0 na 33ª rodada. Foto: Heuler Andrey/ Agif/Gazeta PressAloisio entra em dividida com Valdomiro durante a vitória do São Paulo sobre a Portuguesa no Morumbi. Foto: Marcos Bezerra/Futura PressAloísio pisa em Douglas, que comemora com Rodrigo Caio gol diante da Portuguesa.  SP venceu por 2 a 1 na 32ª rodada. Foto: Wagner Carmo/Inovafoto/Gazeta PressAloísio comemora um de seus três gols da vitória do São Paulo sobre o Internacional pela 31ª rodada do Brasileirão. Foto: Site oficialOtávio recebe forte marcação de Edson Silva na partida Internacional x São Paulo. Foto: Site oficial do São PauloAloísio abriu o placar para o São Paulo no duelo com o Internacional pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. Foto: VINÍCIUS COSTA/Preview.com/Gazeta PressAloísio comemora gol sobre o Bahia com Paulo Henrique Ganso. Foto: Edson Ruiz/Gazeta PressGanso tenta drible em ataque do São Paulo contra o Bahia. Foto: Romildo de Jesus/Futura PressRogério Ceni cumprimenta os jogadores do São Paulo após a vitória sobre o Bahia. Foto: Edson Ruiz/Gazeta PressJogadores do São Paulo comemoram gol de Ganso no Morumbi. Foto: Wagner Carmo/Inovafoto/Gazeta PressAloísio arrisca chute ao gol do Náutico. Foto: FERNANDO DANTAS / Gazeta PressO são-paulino Aloíso e o corintiano Paulo Andrpe brigam pela posse de bola no clássico do Morumbi. Foto: Luís Moura/Gazeta PressReinaldo comemora gol, o segundo do São Paulo para cima do Cruzeiro no Mineirão. Foto: Rubens Chiri/São PauloDouglas comemora o primeiro gol do São Paulo no Mineirão. Foto: Cristiane Mattos/Futura PressZagueiro Antônio Carlos marcou duas vezes no triunfo do São Paulo contra o Vitória. Foto: Rubens Chiri/DivulgaçãoAdemilson foi titular do São Paulo contra o Vitória e deve encarar o Cruzeiro. Foto: Rubens Chiri/DivulgaçãoRogério Ceni reclamou muito da arbitragem de São Paulo 3 x 2 Vitória. Foto: Rubens Chiri/DivulgaçãoJadson domina a bola pelo São Paulo marcado de perto por Alison, volante do Santos. Tricolor perdeu por 3 a 0 o jogo. Foto: Lucas Baptista/Futura PressLuis Fabiano divide a bola com Dida em ataque do São Paulo. Foto: Wagner Carmo/Inovafoto/Gazeta PressHugo, do Goiás, e Rodrigo Caio, do São Paulo, em disputa de bola no jogo pela 23ª rodada do Brasileirão. Foto: Futura PressWelliton e Denílson comemoram o gol da vitória do São Paulo sobre o Atlético-MG no Morumbi. Foto: Gazeta PressAntônio Carlos marcou seu primeiro gol com a camisa do São Paulo. Foto: DivulgaçãoRogério Ceni lamenta pênalti perdido. Foto: Djalma Vassão/Gazeta PressAloísio comemora gol do São Paulo com os companheiros. Foto: W. CORREIA NETO/Gazeta Press Rodrigo Caio marca Seedorf no confronto entre São Paulo e Botafogo. Foto: Gazeta PressGilberto corre para festejar um dos gols da Portuguesa diante do Bahia, no Canindé. Foto: Futura Press/Léo PinheiroSão Paulo bateu o Fluminense no Morumbi. Foto: PhotocameraLuis Fabiano e Reinaldo marcaram para o São Paulo contra o Fluminense. Foto: Marcello Zambrana/Inovafoto/Gazeta PressElias protege a bola da marcação de Wellington em ataque do Flamengo. Foto: Alex Farias/Photopress/Gazeta PressPaulo Baier festeja gol marcado sobre o São Paulo. Foto: Miguel Schincariol/Gazeta PressJadson perdeu pênalti no empate entre Flamengo e São Paulo por 0 a 0 no Distrito federal. Foto: Futura PressRodrigo Caio sobe com Rafael Toloi e desvia de cabeça para fazer o gol do São Paulo. Foto: Fernando Dantas/Gazeta PressDanilo disputa a bola pelo alto com Rafael Tolói durante clássico no Pacaembu. Foto: SERGIO BARZAGHI / Gazeta PressLuan fez os três gols do Cruzeiro contra o São Paulo no Morumbi. Foto: Piervi Fonseca/Agif/Gazeta PressRogério Ceni marcou de falta, mas não evitou derrota do São Paulo por 3 a 2 para o Vitória. Foto: Gazeta PressLuis Fabiano disputa lance em jogo contra o Bahia. Foto: SÉRGIO BARZAGHI/GAZETA PRESSJogadores do Santos comemoram gol de Giva no clássico. Foto: RENATO SILVESTRE/Gazeta PressLuis Fabiano arrisca finalização ao gol do Grêmio. Foto: Edu Andrade/Fatopress/Gazeta PressRogério Ceni pula, mas não consegue defender a cabeçada do zagueiro Rodrigo, do Goiás. Foto: FERNANDO DANTAS / Gazeta PressAtlético-MG x São Paulo. Foto: Site oficialLuís Fabiano marcou duas vezes na goleada por 5 a 1 sobre o Vasco. Foto: Miguel Schincariol/ Gazeta PressDenilson e Jadson celebram gol do São Paulo. Foto: CÉLIO MESSIAS/Gazeta Press


RELEMBRE COMO FORAM OS CINCO CLÁSSICOS ANTERIORES:

Lesão no pé direito
31/03 - São Paulo 1 x 2 Corinthians - Campeonato Paulista
No primeiro confronto do ano, o goleiro cometeu pênalti em Alexandre Pato ao chegar atrasado em uma dividida. O lance lesionou seu pé direito, motivo pelo qual se ausentou de algumas partidas em seguida, dando prioridade a tratamento para disputar a Copa Libertadores.

Eliminação precoce
05/05 - São Paulo 0 (3) x (4) 0 Corinthians - Campeonato Paulista
Depois de um empate sem gols no tempo regulamentar, caiu nos pênaltis. A última cobrança gerou polêmica porque ele se adiantou para espalmar a bola chutada por Alexandre Pato. O árbitro anulou a defesa, e o atacante converteu a segunda tentativa, classificando o Corinthians para a final.

Gol de cobertura
03/07 - São Paulo 1 x 2 Corinthians - Recopa Sul-americana
O São Paulo havia buscado empate no jogo de ida da decisão, depois de sofrer gol de Guerrero, mas acabou derrotado no Morumbi com um golaço de Renato Augusto. O meia notou o goleiro adiantado e bateu da intermediária para encobri-lo.

Vice-campeonato
17/07 - Corinthians 2 x 0 São Paulo - Recopa Sul-americana
Na partida de volta do tira-teima continental, sofreu gols de Romarinho e Danilo e perdeu o título. Ao final da partida, ele e os demais são-paulinos desceram para o vestiário do Pacaembu e não participaram da premiação da Conmebol.

Zona de rebaixamento
28/07 - Corinthians 0 x 0 São Paulo - Campeonato Brasileiro
O clássico mais recente foi o mais equilibrado, mas não menos doloroso. Um empate sem gols no Pacaembu colocou o São Paulo, à época ainda treinado por Paulo Autuori, definitivamente na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, às vésperas de sua excursão pelo exterior.

Leia tudo sobre: rogério cenisão pauloclássicobrasileirãoigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas