Goleiro do Corinthians impediu a vitória do São Paulo com defesa nos minutos finais do jogo

Cássio comemora defesa de pênalti no Morumbi
Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Cássio comemora defesa de pênalti no Morumbi

O goleiro Cássio concedeu entrevistas após o empate por 0 a 0 com o São Paulo com a mesma tranquilidade com que saltou para defender a cobrança de Rogério Ceni, aos 45 minutos do segundo tempo do clássico deste domingo, no Morumbi. O herói alvinegro afirmou ter estudado o estilo de bater de seu colega de posição para fazer a intervenção decisiva.

Deixe seu comentário para esta notícia

"Nesse pênalti, eu já tinha decidido para onde pularia. Vejo os pênaltis do Rogério, e ele gosta de bater ali. A gente observa, né?", comentou Cássio, que estava propenso a mudar de ideia caso o adversário tentasse surpreendê-lo. "Mesmo com o canto decidido, esperei o máximo possível para ir na bola."

Tite e Cássio após o 0 a 0 do Corinthians no Morumbi
Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Tite e Cássio após o 0 a 0 do Corinthians no Morumbi


O goleiro assegurou, portanto, o oitavo 0 a 0 do Corinthians no Campeonato Brasileiro. Ao menos desta vez, o resultado não foi considerado ruim. "O São Paulo jogou melhor do que nós no primeiro tempo, mas conseguimos equilibrar o jogo no segundo. O Sheik até teve uma chance claríssima. Tudo bem. Foi importante empatar agora. Se a gente perdesse, as coisas poderiam ficar mais complicadas", afirmou Cássio.

Confira os melhores monentos de São Paulo 0 x 0 Corinthians


Veja a classificação, tabela de jogos, notícias e artilharia do Campeonato Brasileiro

De fato, uma derrota faria o elenco do Corinthians abandonar o discurso de que ainda pretende entrar na zona de classificação para a Copa Libertadores da América para começar a se preocupar com mais seriedade com a possibilidade de rebaixamento no Campeonato Brasileiro. O time seria ultrapassado pelo ameaçado São Paulo, hoje com 34 pontos ganhos, contra 37 dos corintianos.

Veja fotos dos jogos da 28ª rodada do Campeonato Brasileiro


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.