Dilma aprova projeto e juiz de futebol vira profissão regulamentada

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Os árbitros brasileiros terão agora o direito de se organizar em sindicatos e em associações profissionais

Ricardo Ramos/Inovafoto/Gazeta Press
Árbitro agora é uma profissão regulamentada

Foram 12 anos de discussão na Câmara dos Deputados e, enfim, nesta sexta-feira, o projeto que regulamenta a profissão de árbitro de futebol foi sancionado pela presidenta Dilma Rousseff. O texto com aprovação foi publicado no Diário Oficial da União.

Assista ao vídeo: Árbitro apanha durante partida de futebol no Irã

Com a sanção da chefe de Estado brasileira, os juízes de futebol terão agora o direito de se organizar em sindicatos e em associações profissionais, além de terem o direito de prestar serviços a ligas e entidades futebolísticas do País.

De acordo com o presidente da Associação Nacional de Árbitros de Futebol (Anaf) esta é a maior mudança na arbitragem brasileira em todos os tempos.

Novas regras na organização das relações de trabalho entre entidades organizadoras do esporte bretão no País e a categoria devem ser os próximos passos.

Leia tudo sobre: futebolarbitragemdilma rousseffbrasileirãosérie b

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas