Atlético-MG treina com portões fechados para surpreender o Cruzeiro no clássico

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Técnico Cuca escondeu a atividade comandada antes do clássico de domingo. Equipe terá quatro desfalques: Réver, Ronaldinho, Victor e Jô

Divulgação
Técnico Cuca esconde o treino do Atlético-MG antes do clássico

O Atlético-MG pretende surpreender o Cruzeiro no clássico de domingo, no Independência. Para isso, o técnico Cuca comandou nesta sexta-feira, um treino fechado para a imprensa na Cidade do Galo. O treinador trabalhou jogadas ensaiadas e de bolas paradas, e os jornalistas só tiveram acesso ao campo de treino após mais de uma hora de atividade.

Deixe o seu recado e comente com os outros leitores

Sobre o time que vai entrar em campo não existe muito mistério, já que o treinador tem quatro baixas certas. O zagueiro Réver e o craque Ronaldinho Gaúcho estão entregues ao departamento médico. Já o goleiro Victor e o atacante Jô servem a seleção brasileira.

Confira a tabela de classificação do Brasileirão

O meia-atacante argentino Dátolo e o armador Guilherme seguem em tratamento de lesão e não podem nem ficar à disposição no banco de reservas. O zagueiro Jemerson e o volante Rosinei foram expulsos na partida contra a Ponte Preta, mas como os dois atletas não são titulares, a preocupação é menor.

Para o gol, Giovanni segue como titular. Na vaga de Jô, Alecsandro assume a posição ao lado de Fernandinho. Emerson atua na zaga formando dupla com Leonardo Silva e Tardelli fica mais recuado na função de Ronaldinho.  

Com isso, a tendência é o Atlético-MG entre em campo contra com a seguinte formação: Giovanni; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Emerson e Júnior César; Pierre, Josué, Tardelli e Luan; Fernandinho e Alecsandro.

Leia tudo sobre: Atlético-MGbrasileirão

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas