Restando 11 rodadas para o término da competição, o Palmeiras aparece na dianteira isolada, com 59 pontos, enquanto a Chapecoense aparece com 52 em uma partida a menos

A vantagem de sete pontos do Palmeiras sobre o segundo colocado da Série B não faz o atacante Alan Kardec se acomodar nesta reta final da competição. O jogador avisa que o time não pode pensar em administrar a distância para a Chapecoense e manifestou que o título da segunda divisão é seu grande objetivo da temporada.

Alan Kardec nega relaxamento do Palmeiras e vê caminho mais difícil no fim

"Ninguém subiu ainda. Existe uma boa vantagem, mas não é a hora de trabalhar em cima dela, e sim de buscar o máximo de pontos para subir. Se não for matematicamente, não adianta. Quero ser campeão com a camisa do Palmeiras e a cobrança vai existir até o final", afirmou.

Alan Kardec, atacante do Palmeiras
Miguel Schincariol/Gazeta Press
Alan Kardec, atacante do Palmeiras

Restando 11 rodadas para o término da competição, o Palmeiras aparece na dianteira isolada, com 59 pontos, enquanto a Chapecoense aparece com 52 em uma partida a menos. Contratado no decorrer desta Série B, Alan Kardec considera a conquista do troféu importante para o clube.

Confira a classificação e os próximos jogos da Série B

"Com a camisa do Palmeiras, você tem de festejar até par ou ímpar, porque a cobrança é muito grande. Pode ter dez vitórias e, se sofrer um resultado adverso, já vem a pressão. É um título e tem de ser comemorado. Aqui, existem homens de dignidade, trabalhando dia a dia, e temos de celebrar", comentou.

Depois da derrota por 3 a 2 para o ABC, em partida com arbitragem polêmica, o alviverde volta a campo na noite desta terça-feira, quando enfrentará o Figueirense , em Londrina, já que perdeu dois mandos de campo por conta de briga entre suas duas principais organizadas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.