Hugo exalta poder de reação do Goiás e culpa o árbitro por empate em casa

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

"Está acontecendo sempre de a gente começar atrás nos jogos e isso dificulta mesmo", avaliou o meio-campista

Apesar de sair atrás no placar e de ter buscado o empate, o resultado de 1 a 1 contra o Criciúma acabou tendo gosto amargo para o Goiás, que pressionou na segunda etapa, mas não conseguiu a virada. Para o meia Hugo, a equipe mostrou poder de reação.

"Está acontecendo sempre de a gente começar atrás nos jogos e isso dificulta mesmo. Mas, o mais importante é que temos tido força para reagir", salientou.

Confira a tabela de classificação do Brasileirão

O ex-são-paulino ainda destacou negativamente a participação da arbitragem na partida. Ele reclamou da não marcação de um pênalti no fim da partida, quando a bola tocou na mão de Ricardinho dentro da área do Criciúma.

"A arbitragem influenciou diretamente no placar. O torcedor está cobrando a gente, mas o árbitro deixou de marcar um pênalti claro e nos prejudicou", disparou.

Leia tudo sobre: goiáshugobrasileirão

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas