De olho no G4, Santos busca vitória contra a Portuguesa no Canindé

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Para este compromisso, o técnico Claudinei Oliveira segue sem poder contar com o meia Montillo. Já a Lusa segue sem o atacante Diogo

Após voltar a vencer no Campeonato Brasileiro, derrotando o São Paulo na última rodada, o Santos tem mais um desafio importante na briga para alcançar o G4 da competição. O time alvinegro visita a Portuguesa, neste domingo, a partir das 18h30 (horário de Brasília), no Estádio do Canindé. O confronto é válido pela 26ª rodada do Brasileirão.

Confira a classificação e os próximos jogos do Campeonato Brasileiro

Ricardo Saibun/Flickr Santos
Cicinho, lateral do Santos

Destaque na vitória santista no clássico diante do Tricolor, o lateral-direito Cicinho, que deu assistências para os gols de Thiago Ribeiro e Léo, respectivamente, ressaltou que os alvinegros precisam manter o foco, para que a equipe praiana possa derrotar a Lusa, entrando de vez na disputa por uma vaga na próxima Copa Libertadores da América.

"A gente sempre procura apresentar um bom futebol, com determinação, e queremos manter esse nível para que possamos chegar ao nosso objetivo. Vencer é importante para ficarmos sempre próximos do G-4. A Portuguesa tem qualidade, vai ser um jogo difícil, e temos que entrar muito atentos. Mas estamos motivados e queremos conseguir um resultado positivo", disse Cicinho.

Para este compromisso, o técnico Claudinei Oliveira segue sem poder contar com o meia Montillo. O argentino está entregue ao departamento médico do clube, se recuperando de uma lesão na panturrilha direita.

O treinador ainda tem mais dois desfalques para esta partida. O goleiro Aranha recebeu o terceiro cartão amarelo na vitória sobre os são-paulinos e cumpre suspensão automática contra a Portuguesa. Vladimir será o seu substituto. Expulso diante do Tricolor Paulista, o volante Alison também cumpre suspensão ante a Lusa. Renê Júnior deve entrar no time titular.

SÉRGIO BARZAGHI/GAZETA PRESS
Corrêa em ação pela Lusa

Já na Portuguesa, a goleada sofrida perante o líder Cruzeiro, por 4 a 0, interrompeu a boa fase da equipe. Para o lateral-direito Corrêa, o time rubro-verde não pode deixar se abalar com o revés para a Raposa, apesar de ter admitido que a derrota da maneira como aconteceu não era esperada pelos jogadores da Lusa.

"Uma ‘ducha de água fria’, em um momento de crescente nossa no campeonato. O momento é bom, mas sabíamos que estávamos enfrentando o líder. Agora não adianta ficamos lamentando. Temos que levantar a cabeça, pois temos um jogo importante contra o Santos", analisou o defensor, que pediu tranquilidade aos seus companheiros, contra o Peixe."Não adianta nos desesperarmos agora. Precisamos voltar a jogar bem, para buscar a recuperação na competição", emendou Corrêa.

FICHA TÉCNICA
PORTUGUESA X SANTOS

Local: Estádio do Canindé, em São Paulo (SP)
Data: 6 de outubro de 2013, domingo
Horário: 18h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Péricles Bassols Pegado Cortez (RJ)
Assistentes: Bruno Boschilia e Moisés Aparecido de Souza (ambos do PR)

PORTUGUESA: Lauro; Corrêa, Moisés Moura, Valdomiro e Rogério; Ferdinando, Bruno Henrique, Moisés, Luis Ricardo e Souza; Gilberto
Técnico: Guto Ferreira

SANTOS: Vladimir; Cicinho, Edu Dracena, Gustavo Henrique e Mena; Renê Júnior, Arouca, Leandrinho e Cícero; Thiago Ribeiro e Willian José
Técnico: Claudinei Oliveira

Leia tudo sobre: genetfutebolsérie Acampeonato brasileirosantosportuguesa

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas