Após empate, Jorginho confia em recuperação da Ponte: 'É possível, sim'

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Apesar de ter somado um só ponto nos últimos seis disputados, a confiança do treinador não diminuiu

Gazeta Press
Bahia e Ponte Preta ficaram no 1 a 1 em Salvador

Embora a distância do primeiro time fora da zona de rebaixamento tenha aumentado em um ponto (de seis para sete), o empate por 1 a 1 com o Bahia, neste domingo, passou confiança a Jorginho na luta para salvar a equipe da Série B.

Ao final da partida na Arena Fonte Nova - em que a Ponte saiu em vantagem, com gol de William, aos 21 minutos, mas cedeu o empate ainda no primeiro tempo -, o treinador elogiou a atuação de seus jogadores nas últimas partidas.

"Tivemos um tropeço contra o Náutico (na rodada passada), mas fizemos uma grande partida. Hoje (domingo) também acho que a gente tinha que ter ido para cima, tanto que escalei uma equipe ofensiva", comentou ao Sportv, ao lamentar a saída de Chiquinho, por lesão.

Confira a classificação atualizada e os próximos jogos do Brasileirão

Apesar de ter somado um só ponto nos últimos seis disputados, sua confiança não diminuiu. "Temos que acreditar no nosso potencial, que temos condições. Temos jogado de igual para igual com grandes equipes. E possível, sim", concluiu.

A próxima grande equipe a ser enfrentada será o Atlético-MG, na quarta-feira, em Campinas. Atual campeão da Copa Libertadores, o time belo-horizontino ocupa o quinto lugar do Brasileiro.

Leia tudo sobre: jorginhoponte pretaigspbrasileirão

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas