Pedro Ken admite tropeço do Vasco, mas promete que a 'bola vai entrar'

Por iG São Paulo * |

compartilhe

Tamanho do texto

Meia foi uma das vítimas da inspiração do goleiro Marcelo Lomba, que teve participação decisiva pelo Bahia para segurar o empate diante dos cariocas

O Vasco até que tentou, mas não conseguiu voltar a vencer pelo Campeonato Brasileiro. Após só empatar em 0 a 0 com o Bahia, na Fonte Nova, o meia Pedro Ken, apenas uma das vítimas da inspiração do goleiro Marcelo Lomba, confirmou o resultado como tropeço, mas tentou extrair algo de positivo.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Um empate fora de casa nunca é um mau resultado. Mas é lógico que, pela situação e pela grandeza do Vasco, a gente tinha que ganhar. Mas a gente não pode desistir. Temos que continuar lutando, porque uma hora a bola vai bater na trave e entrar", garantiu o jogador na saída de campo.

Veja imagens dos jogos desta rodada do Brasileirão

Luis Fabiano divide a bola com Dida em ataque do São Paulo. Foto: Wagner Carmo/Inovafoto/Gazeta PressVargas perde o equilíbrio em disputa com Osvaldo. Foto: Marcos Bezerra/Futura PressVargas comemora gol que decretou a vitória do Grêmio sobre o São Paulo no Morumbi. Foto: FERNANDO DANTAS / Gazeta PressManoel domina a bola pelo Atlético-PR observado por Dinei, do Vitória. Foto: Giuliano Gomes/Gazeta PressWilliam Henrique comemora gol do Vitória. Foto: Giuliano Gomes/Gazeta PressWillian comemora gol da vitória do Cruzeiro. Foto: VINÍCIUS COSTA/Preview.com/Gazeta PressOtávio, do Internacional, persegue Egídio em ataque do Cruzeiro. Foto: Itamar Aguiar/Futura PressMarcos Rocha festeja com a torcida após marcar gol do Atlético-MG sobre o Santos. Foto: Yuri Edmundo/Gazeta PressArouca aposta corrida com Leonardo Silva em ataque do Atlético-MG. Foto: Paulo Fonseca/Futura PressHernane comemora diante da torcida gol do Flamengo sobre o Criciúma. Foto: Alexandre Vidal/Fla ImagemLéo Moura parte com a bola dominada em ataque do Flamengo. Foto: Alexandre Vidal/Fla ImagemWilliam Barbio se antecipa a Fagner e domina a bola pelo Bahia. Foto: FELIPE OLIVEIRA/ Agif/Gazeta PressHélder é cercado por jogadores do Vasco durante ataque do Bahia. Foto: Edson Ruiz/Gazeta PressGilberto corre para comemorar após marcar gol da Portuguesa. Foto: Moisés Palácios/Futura PressEmerson Sheik conduz a bola pelo Corinthians diante da defesa da Portuguesa. Foto: Moisés Palácios/Futura PressJogadores da Portuguesa comemoram gol de Gilberto, que marcou três vezes contra o Corinthians. Foto: Moisés Palácios/Futura PressTiago Real é marcado por Vitor Jr em ataque do Náutico. Foto: Aldo Carneiro/Futura PressOliveira, do Náutico, comemora gol durante a partida contra o Coritiba. Foto: Aldo Carneiro/Futura PressYuri, do Goiás, e Rafael Sóbis, do Fluminense, disputam a bola no Serra Dourada. Foto: Carlos Costa/Futura PressJean comemora gol do Fluminense, que venceu de virada no Serra Dourada por 2 a 1. Foto: Carlos Costa/Futura PressPonte Preta comemora o gol de Elias Ribeiro sobre o Botafogo no Maracanã. Foto: Alexandre Loureiro/Inovafoto/Gazeta PressSeedorf durante derrota do Botafogo para a Ponte Preta, no Maracanã. Foto: Vitor Silva/SSPress

Mas as traves dos gols da Fonte Nova não foram problema para os vascaínos, que jogaram muito mal, assim como os adversários, e pararam nas boas defesas de Lomba. Com a igualdade, os comandados do técnico Dorival Júnior permaneceram na incômoda zona de rebaixamento.

Na 18ª colocação da Série A, com 25 pontos - dois a menos do que o São Paulo, o primeiro fora da zona de degola -, o Vasco voltará a campo na próxima quinta-feira, recebendo o também irregular internacional, no Moacyrzão, em Macaé (RJ).

*Com Gazeta

Leia tudo sobre: VascoBrasileirão

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas