Cicinho espera que Santos 'não vacile' mais e crê em vitória contra Atlético-MG

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Time da Vila Belmiro empatou com o Náutico em casa e agora se prepara para viajar e encarar a equipe mineira no Brasileirão

Flickr oficial
Cicinho, lateral-direito do Santos

O empate do Santos com o Náutico, na última quarta-feira, na Vila Belmiro, deixou um sentimento de decepção nos jogadores da equipe praiana, pelo fato de não terem conseguido se aproximar ainda mais do G-4 do Campeonato Brasileiro. Mas, para o lateral-direito Cicinho, o grupo santista tem condições de superar rapidamente o susto causado, já diante do Atlético-MG, em jogo marcado para o próximo domingo, a partir das 18h30 (de Brasília), na Arena Independência.

O que espera de Santos x Atlético-MG? Comente com outros leitores

"Sabemos da qualidade do nosso time. Assim como ganhamos do Fluminense e do Internacional-RS, fora de casa, podemos surpreender, sim. A nossa equipe está evoluindo na competição. Espero que a gente chegue lá (em Belo Horizonte) e faça um bom jogo", disse o ala.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

O empate com os pernambucanos deixou o time alvinegro em sexto lugar no Brasileirão, com 33 pontos ganhos, seis a menos em relação ao Grêmio, último integrante do G-4. Para Cicinho, o Santos tem que se manter focado na disputa para superar os obstáculos e se aproximar da vaga na próxima edição da Copa Libertadores da América.

"Vamos procurar acertar o que nos faltou diante do Náutico. A gente não esperava esse empate. Era um jogo dentro de casa, o qual nós tínhamos que vencer. Não aconteceu e, agora, precisamos vencer (o Galo). A gente sabe bem o que quer e vamos atrás do nosso objetivo, que é chegar no G-4. Espero que a equipe possa não ‘vacilar’ mais", concluiu o dono da camisa 4 santista.

Leia tudo sobre: santoscicinhobrasileirão

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas