Irritado com empate, Dracena critica atuação do Santos: 'Fomos displicentes'

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Zagueiro criticou o desempenho no jogo contra o Náutico e disse que "não vencer o último colocado atrapalhou os objetivos" do Santos neste Brasileirão

Divulgação
Edu Dracena lamenta o tropeço dentro de casa

O zagueiro Edu Dracena não ficou satisfeito com a exibição do Santos no empate com o Náutico, na noite desta quarta-feira, na Vila Belmiro. O capitão acredita que a equipe praiana deveria ter entrado mais concentrada na partida, duelo atrasado da 11ª rodada do Campeonato Brasileiro, que poderia ter dado ao Peixe a condição de se aproximar ainda mais do G4 da competição.

Deixe o seu recado e comente com os outros leitores

"Esperávamos ganhar. Estamos fazendo uma boa campanha, mas não vencer o último colocado (do Brasileirão) meio que atrapalha a nossa caminhada. Não se ganha o jogo antes da hora, se vence jogando bem, durante os 90 minutos", afirmou Dracena, irritado com o futebol apresentado diante do Timbu.

Confira a classificação do Brasileirão

"Nós erramos muitos passes, fomos até displicentes. Não podemos achar que é só porque estamos enfrentando o lanterna, que vamos ganhar de qualquer jeito. Você tem que respeitar o adversário sempre, jogando para cima", comentou o defensor santista.

Apesar de ter ficado contrariado com a atuação do time alvinegro contra o Náutico, Edu Dracena preferiu dividir a responsabilidade pelo tropeço, dentro de casa. "Quando ganha, ganham todos e quando perde ou empata, a mesma coisa. Todos nós temos uma parcela de culpa por esse resultado", emendou.

O empate levou o Santos para a sexta posição no Brasileiro, com 33 pontos, seis atrás do Grêmio, último integrante do G4 da Série A, que garante vaga na próxima edição da Copa Libertadores da América.

Leia tudo sobre: SantosBrasileirãoEdu Dracena

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas