Na volta a competições internacionais, Sport cai para o Libertad

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Equipe pernambucana perde por 2 a 0 fora de casa e se complica na Copa Sul-Americana

Jorge Saenz/AP
Patric domina a bola para o Sport, mas marcação de Montenegro assusta

Desde 2009, quando disputou a Copa Libertadores, o Sport não participava de uma competição continental. E o retorno às competições internacionais não foi como seu torcedor sonhava. O time pernambucano foi até o Paraguai, onde encarou o Libertad, e saiu de campo derrotado por 2 a 0.

Comente esta notícia com outros torcedores

A vitória paraguaia foi construída ainda na primeira etapa, apesar de os donos da casa terem dominado todo o jogo. Com cinco minutos de jogo, os anfitriões já haviam criado duas chances claras de gol e foram premiados aos dez.

A zaga do Sport não soube afastar cruzamento na área e Recalde ficou com a sobra. Ele arriscou de fora e Magrão bateu roupa, soltando nos pés de Gustavo Gómez, que só teve o trabalho de empurrar para as redes, fazendo 1 a 0.

Depois do gol, o jogo ficou mais aberto e o Sport chegou a assustar, mas era o Libertad quem pressionava. Aos 38 minutos, Claudio Vargas bateu escanteio e Pedro Benitez subiu para mandar para as redes.

O panorama da partida mudou um pouco na segunda etapa. Com dois gols de vantagem, os paraguaios administravam o resultado, mas ainda assim eram superiores e não sofreram riscos para segurar o placar de 2 a 0 até o fim.

Com o resultado, o Libertad pode até perder por um gol na Ilha do Retiro. Se fizer um gol, o Sport terá que fazer três, já que não marcou gols fora de casa. Em caso de 2 a 0 para os pernambucanos, o jogo vai para os pênaltis. Quem passar deste duelo encara o vencedor do confronto entre Itaguí e Coritiba.

Leia tudo sobre: sportlibertadsul-americana

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas