Time pode chegar a sete jogos sem vencer, fato que ocorreu pela última vez em 2010

Tite conta com Guerrero para acabar com a seca de gols e de vitórias do Corinthians em setembro
Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Tite conta com Guerrero para acabar com a seca de gols e de vitórias do Corinthians em setembro

Tite completa 256 jogos como técnico do Corinthians nesta quarta-feira, contra o Grêmio , no Pacaembu. Antes de comemorar o feito tem a missão de evitar que sua equipe repita a sequência negativa que antecedeu o início da sua segunda passagem pelo Parque São Jorge em outubro de 2010. Já são seis jogos sem vencer (quatro derrotas e dois empates) em setembro. 

Tite aceita o 0 a 0 como vantagem mínima possível do Corinthians contra o Grêmio

A última vez que o Corinthians ficou sete jogos sem vencer aconteceu exatamente nos sete jogos que antecederam a estreia de Tite na reta final do Brasileirão de 2010. Naquela ocasião, entre Adilson Batista (que viria a ser demitido) e o interino Fábio Carille foram quatro derrotas e três empates em sete jogos. 

Leia também: Corinthians perde dois mandos na Copa do Brasil por sinalizadores da torcida

O Corinthians não vence desde o dia 1º de setembro, quando fez 4 a 0 no Flamengo. De lá até esta quarta o time marcou apenas um gol nos seis jogos sem vitória que realizou. Para Tite, por conta do formato da Copa do Brasil, um empate sem gols, como o do último domingo contra o Cruzeiro pelo Brasileirão, não seria mau negócio

Recorde
Esta já a pior sequência sem vitórias de Tite no Corinthians somando suas duas passagens. Na primeira, em 2004, ficou cinco jogos sem vencer logo nas primeiras partidas sob seu comando. Com 256 jogos como técnico da equipe ele iguala José Castelli, o Rato, que dirigiu a equipe nos anos 40 e 50. Para ser o primeiro na história do clube serão precisos outros 185 jogos para alcançar os 441 de Oswaldo Brandão, líder absoluto de jogos como técnico do Corinthians.  

Tite completa 256 jogos como técnico do Corinthians nesta quarta-feira. Veja fotos


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.