Corinthians vinha de três derrotas seguidas e ficou no 0 a 0 contra o Cruzeiro no Pacaembu

Para Douglas, Corinthians mostrou melhora
ALE CABRAL/Gazeta Press
Para Douglas, Corinthians mostrou melhora

Os jogadores do Corinthians procuraram valorizar o empate por 0 a 0 com o Cruzeiro no Pacaembu. Após a sexta partida seguida sem vitória, eles mencionaram a evolução em relação às rodadas anteriores e a qualidade do adversário, que vinha de oito triunfos seguidos no Campeonato Brasileiro e caminha rumo ao título com grande vantagem na liderança.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Brasileirão

"É para comemorar esse ponto. Nós já mudamos a nossa atitude dentro do campo. Tivemos mais posse de bola, melhoramos a nossa marcação e fomos mais organizados", afirmou o meio-campista Douglas, referindo-se especialmente ao segundo tempo, bem melhor do que o primeiro.

"Estava tudo muito aberto no começo. Depois do intervalo, o Danilo e o Romarinho ficaram mais próximos de mim, rendemos mais", acrescentou o camisa 10, admitindo que a proposta contra o líder era de humildade. "Sabíamos que estávamos em um momento difícil. Tentávamos pegar a bola e ir para a frente toda hora, levávamos contra-ataque. Conversamos e vimos que era hora de ter um posicionamento melhor e obrigar o time deles a errar."

Os companheiros de Douglas adotaram a mesma linha de raciocínio. Interromper a sequência de três derrotas foi considerado mais importante do que ampliar para seis o número de partidas consecutivas sem vitória.

Veja mais fotos das partidas da 23ª rodada do Campeonato Brasileiro

"Enfrentamos o líder, uma equipe difícil, muito qualificada. Não é à toa que eles estão em primeiro lugar. Buscamos a vitória, mas o empate está de bom tamanho", afirmou o volante Ralf. "O mais importante foi que não perdemos", concordou o atacante Emerson.

Técnico Tite também ressaltou mudança no Corinthians e destacou a confiança do time no segundo tempo diante do Cruzeiro. Veja a coletiva: 


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.