Em duelo direto contra o rebaixamento para a Série C, time paraense perdeu a chance de ultrapassar o rival goiano na tabela

Era a estreia de Vagner Bennazi, contratado para tirar o Paysandu da zona de rebaixamento, mas o primeiro jogo do treinador não foi como a torcida paraense esperava. Em casa, diante de um Atlético-Go que também briga contra a degola na Série B do Campeonato Brasileiro, o Papão não passou de um empate em 0 a 0, aumentando a crise na Curuzu.

Confira classificação, tabela de jogos e artilharia da Série B do Campeonato Brasileiro

Com o resultado, o Paysandu chega aos 24 pontos, mas não sai da zona de rebaixamento, ficando na 17ª colocação. O Atlético-GO, por sua vez, também não se distancia da degola, fica apenas um posto a cima, com um ponto a mais do que o rival deste sábado.

Na próxima rodada, o Paysandu volta a jogar em casa, mas tem um compromisso complicado. Na terça-feira, às 19h30 (de Brasília), o time paraense recebe a Chapecoense no Mangueirão. O Atlético-GO volta a jogar apenas no próximo sábado, às 16h20, fora de casa, contra o Icasa.

FICHA TÉCNICA -  PAYSANDU X ATLÉTICO-GO

Local: Estádio da Curuzu, em Belém (PA) 
Data: 21 de setembro de 2013, sábado
Horário: 21 horas (de Brasília) 
Árbitro: Rodrigo Batista Raposo
Assistentes: Jander Rodrigues Lopes e Roberto Soares dos Santos Junior
Cartões Amarelos: Pablo, Vanderson, Zé Antônio e Iarley (PAYSANDU), Anderson Conceição e Régis (ATLÉTICO-GO)

PAYSANDU: Paulo Rafael; Yago Pikachu, Pablo, Fábio Sanches e Gilton (Heliton); Vanderson, Zé Antônio, Jaílton (Iarley) e Alex Gaibu; Aleílson (Djalma) e Marcelo Nicácio
Técnico: Vagner Benazzi

ATLÉTICO-GO: Márcio; John Lennon, Artur, Anderson Conceição e Guilherme Santos (Marino); Dodó, Régis, Ernandes e João Paulo (Jorginho); Juninho (Anselmo) e Ricardo Jesus
Técnico: PC Gusmão

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.