Atacante do Santos reconhece atuação abaixo do que poderia ter apresentado na derrota para o Botafogo, na Vila Belmiro

Gabriel, atacante do Santos
Flickr/Santos F.C.
Gabriel, atacante do Santos

Criticado por parte da torcida que compareceu a Vila Belmiro e assistiu a derrota do Santos para o Botafogo no domingo, o atacante Gabriel garantiu que não irá se abater com as cobranças. Para ele, as críticas fazem parte do processo de amadurecimento de qualquer jogador que sobe para o elenco principal.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Eles cobram de quem tem potencial, por isso estou tranquilo. Sei que posso dar mais no segundo tempo. Eles fizeram certo em ‘pegar no meu pé’. Eu mesmo quando era torcedor ‘pegava no pé’ de alguns. Tenho que melhorar para, quando começar jogando, fazer um segundo tempo tão bom quanto no primeiro", disse Gabriel, que foi defendido pelo técnico Claudinei Oliveira.

Indagado sobre o assunto, o atacante reconheceu que poderia ter tido uma melhor apresentação contra o Botafogo. "Acho que fui bem no primeiro tempo e dei uma caída na segunda etapa. Fazia tempo que eu não jogava 90 minutos. Claro que a gente sofre com as críticas, mas confio no meu potencial. A pressão existe em todo lugar e temos que conviver com isso", comentou.

Apesar das críticas, Gabriel deve ser mantido como titular por Claudinei diante do Grêmio, em jogo marcado para a próxima quarta-feira, a partir das 19h30 (horário de Brasília), na Arena do Grêmio. O confronto é válido pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro.

*Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.