Lanterna do Brasileirão, time pernambucano visitou os paulistas e saiu do Pacaembu com o nono ponto na competição

Para ainda se manter vivo na elite do futebol brasileiro, o Náutico visitou o Corinthians no Pacaembu e saiu de lá com um empate sem gols . Um dos destaques da partida foi o goleiro Gideão, que ressaltou a importância de conquistar um resultado como este na Série A do Campeonato Brasileiro .

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"A gente estava precisando pelo menos do empate, vínhamos de uma sequência de derrotas, e conseguimos o empate com o Corinthians, um dos melhores times do campeonato. Isso com certeza vai levantar nosso astral, espero que a gente continue nessa pegada. Nosso time jogou bem, espero que a gente consiga buscar pontos em casa", avaliou o goleiro Gideão.

Apesar de ter renunciado ao ataque desde os primeiros minutos de jogo, o Náutico conseguiu encaixar uma boa marcação diante do Corinthians, se aproveitou da falta de um centroavante na equipe adversária e segurou o empate no Estádio do Pacaembu. A equipe pernambucana ainda teve chance nos contra-ataques, mas faltou qualidade para marcar.

Veja imagens dos jogos deste domingo pelo Brasileirão

Lanterna da Série A do Campeonato Brasileiro, o Náutico somou apenas nove pontos no primeiro tuno, e está bem perto de amargar o rebaixamento. O resultado deste domingo, no entanto, é surpreendente. Em nove partidas como visitante na competição, o Timbu havia conseguido apenas uma vitória e perdido o restante dos confrontos.

Diante de uma situação muito complicada, o time alvirrubro ainda luta por sua permanência na elite e abre o segundo turno contra o Grêmio, na Arena Pernambuco, nesta quarta-feira, às 21h50 (de Brasília). Para se livrar da degola, o Náutico precisa fazer pelo menos 36 pontos para chegar aos 45, número que marca a luta contra o rebaixamento.

*com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.