Técnico da Chapecoense classifica como 'excelente' empate contra líder Palmeiras

Por iG São Paulo * |

compartilhe

Tamanho do texto

Segundo colocado da Série B, time catarinense chegou aos 40 pontos ao ficar no 0 a 0 com os paulistas no Pacaembu

Site oficial
Gilmar Dal Pozzo, técnico da Chapecoense

O técnico da Chapecoense, Gilmar Dal Pozzo, não escondeu a satisfação após o empate por 0 a 0 com o Palmeiras, nesta terça-feira, no Pacaembu. O comandante do vice-líder da Série B do Brasileirão com 40 pontos, classificou o resultado da melhor maneira possível.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Foi excelente, são poucas equipes que vão vir aqui e conquistar pontos; Nós tivemos mérito para isso. Tivemos uma proposta diferente da que vínhamos jogando. Pela ausência do Bruno Rangel e do Fabinho Alves, tive que reformular a equipe", afirmou Dal Pozzo.

Quem também rasgou elogios à atuação da Chapecoense foi o presidente do clube, Sandro Pallaoro. Para o mandatário, a igualdade sem gols foi um placar justo pelo que as duas equipes mostraram em campo. "Foi um grande resultado. Se continuar nessa toada, com cada um se doando, vamos conseguir ir mais adiante", declarou.

Como o próprio Gilmar Dal Pozzo afimou após o duelo, a Chapecoense entrou em campo para enfrentar o Palmeiras, no Pacaembu, com uma "proposta diferente". Dona do melhor ataque da Série B ao lado do adversário da última terça, a equipe catarinense abdicou do ataque e, em boa parte do jogo, atuou com seus onze jogadores atrás da linha da bola. 

"A gente veio com a intenção de marcar bem, sair no contra-ataque. E até tivemos oportunidades; A gente sabia que a equipe deles ia ter mais posse de bola, então temos que valorizar muito esse empate, porque a equipe do Palmeiras tem muita qualidade", avaliou o lateral direto Fabiano.

Após a partida, a Chapecoense se manteve na segunda colocação da Série B a apenas dois pontos da liderança. Na próxima sexta-feira, encara o sexto colocado, Boa Esporte Clube, na Arena Índio Conda, em Chapecó, buscando voltar a vencer após três rodadas. Já projetando o duelo contra o time de Varginha, Dal Pozzo comemorou a volta das boas atuações.

"Logo que perde uma partida, o técnico quer que o time volte a produzir um bom futebol. Independentemente do resultado, se tivesse ganhado ou perdido, queria que produzisse bem. Fazendo isso, o resultado vem acompanhado. Produzir como produzimos hoje nos dá confiança para jogar contra o Boa na sexta-feira", finalizou o treinador.

*Com Gazeta

Leia tudo sobre: ChapecoenseSérie B

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas