Tamanho do texto

Com problema muscular na coxa esquerda, meia deixou o Santos no confronto com o Grêmio e viu time ser eliminado da Copa do Brasil

Substituído no primeiro tempo da derrota para o Grêmio, por 2 a 0, na noite desta quarta-feira, na Arena do Grêmio, resultado que eliminou o Santos da Copa do Brasil, o meia Montillo lamentou o fato de ter se contundido na partida contra o Tricolor Gaúcho. Preocupado, o camisa 10 ainda aguarda uma análise mais precisa do departamento médico para saber a extensão da lesão muscular na coxa esquerda.

Com gol no fim, Grêmio faz 2 a 0 e tira o Santos da Copa do Brasil

A suspeita dos médicos santistas é de que Montillo tenha sofrido um estiramento no local, que precisaria de duas semanas de tratamento. Para confirmar o diagnóstico, o jogador argentino passará por exames de ressonância magnética nesta quinta.

Com Santos fora, Alison lamenta falhas e chances perdidas contra o Grêmio

"É algo chato. Ninguém gosta de se machucar. Mas, infelizmente, o calendário (brasileiro) é muito apertado, não se pode escolher os jogos (para ficar fora). Estava me sentido bem, só que senti essas dores. Essa lesão chegou em uma hora inesperada", afirmou Montillo.

Souza comemora gol do Grêmio sobre o Santos
Edu Andrade/Divulgação
Souza comemora gol do Grêmio sobre o Santos


Triste com a situação, o meia destacou que irá torcer pelos seus companheiros, nos próximos desafios. O primeiro deles é contra o Fluminense, no próximo sábado, às 21 horas (de Brasília), no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro.

"Agora é torcer do lado de fora, o que é ainda mais duro do que estar em campo. Vamos torcer por um grande resultado contra o Fluminense, pois no sábado é um jogo importante pelo Brasileirão", concluiu o argentino.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.