Zagueiro Betão se mostrou preocupado com pressão que time gaúcho deverá exercer nos minutos iniciais da partida de sábado em Porto Alegre

Betão prevê dificuldades para Ponte Preta diante do Grêmio em Porto Alegre
Thiago Toledo/PontePress
Betão prevê dificuldades para Ponte Preta diante do Grêmio em Porto Alegre

Após garantir vaga na próxima fase da Copa Sul-Americana sobre o Criciúma, a Ponte Preta voltou suas atenções para a reabilitação no Campeonato Brasileiro. A equipe não está bem na competição e, com técnico novo, busca a recuperação no sábado, diante do Grêmio, às 18h30 (de Brasília), em Porto Alegre. Mas o zagueiro Betão preve dificuldades.

Acha que a Ponte tem chances de bater o Grêmio em Porto Alegre ? Comente

"O Grêmio não precisa de muita explicação: é uma equipe que todos sabem a qualidade dos jogadores que tem. Eu acredito que lá eles venham a campo para definir logo. Com pressão mesmo, pois é o estilo deles ter um jogo duro e forte. A torcida também vai querer muito e cabe a nós, jogadores da Ponte, evitar esse sufoco inicial e tentar administrar na medida do possível", afirmou o zagueiro Betão.

O defensor destacou a importância da vitória para conquistar três pontos fora de Campinas.

"Temos que ter posse de bola e tentar sair com a vitória. No Campeonato Brasileiro não tem como escolher o jogo que você vai vencer ou empatar. Temos que buscar vencer em qualquer estádio e equipe", disse o zagueiro.

Para Betão, a classificação na Sul-Americana foi essencial para dar outro ânimo a equipe que entrará contra o Grêmio.

"Temos que pensar jogo a jogo. Sabemos que é um torneio diferente, mas eu acredito que uma partida puxa o outra. Uma classificação para a Ponte em um torneio continental já motiva automaticamente o grupo contra o Grêmio", encerrou Betão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.