Martelotte mantém mistério no ataque do Sport para clássico decisivo

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Técnico deve fazer alterações na equipe para segurar vantagem e avançar na Copa Sul-Americana

Marcelo Martelotte adotou a mesma tática de Jorginho para a partida desta quarta-feira entre Sport e Náutico: o mistério.

O treinador do Sport não escalou Marcos Aurélio como titular no treino desta terça-feira, embora o atacante já esteja recuperado de uma lesão na perna esquerda e seja o artilheiro da equipe na temporada. São duas vagas no ataque, disputadas por ele, Roger e Felipe Azevedo.

"Os três estão convocados e dois irão para o jogo. Todos possuem condição. Uns mais, outros menos. O Marcos, que está há 12 dias sem jogar, tem uma condição. O Felipe, que vem jogando em todas as partidas, mas não treina desde domingo, tem outra. Assim como o Roger", explicou em entrevista coletiva.

Assim, a tendência é que o Sport vá a campo com: Magrão; Patric, Toby, Gabriel e Peri; Anderson Pedra, Rithely, Camilo e Lucas Lima; Felipe Azevedo e Roger (Marcos Aurélio). Desde que marque um gol, o Leão pode perder por até dois gols de diferença que se classifica para as oitavas de final da Copa Sul-americana. Uma vitória do Náutico por 2 a 0 leva a disputa para os pênaltis. O jogo será realizado às 21h50 (de Brasília), na Arena Pernambuco.

Chumacero é convocado

O volante Alejandro Chumacero foi convocado nesta terça para defender a seleção da Bolívia nos jogos de 6 e 10 de setembro, contra Paraguai e Equador, pelas Eliminatórias. Assim, ele desfalca o Sport em quatro jogos da Série B: contra Boa Esporte, Paysandu, Icasa e ABC.

Leia tudo sobre: sportmarcelo martelottesul-americana

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas