Gringos foram responsáveis por mais de 40% dos tentos do Internacional neste ano, enquanto o Grêmio tem quase 34% dos seus gols vindos dos atletas não-brasileiros

Já há algum tempo, Grêmio e Internacional vêm apostando todas as suas fichas em jogadores estrangeiros, principalmente os da América do Sul e que atuam no setor ofensivo. E a prática dos rivais gaúchos está dando certo na atual temporada, tanto que os atletas gringos se destacam na dupla Gre-Nal quando o assunto é bola na rede, de acordo com dados do Footstats.

Forlán já tem 17 gols na temporada
Gazeta Press
Forlán já tem 17 gols na temporada

Na rodada passada do Campeonato Brasileiro, o argentino D'Alessandro marcou pelo Inter no empate diante do Goiás , em Novo Hamburgo. Dias antes, pela Copa do Brasil, os três gols do triunfo contra o Salgueiro , de Pernambuco, foram anotados por estrangeiros: de novo D'Ale, o compatriota Scocco e o uruguaio Forlán.

Nesta temporada, contando Brasileirão, Copa do Brasil e Gauchão, os gringos são responsáveis por 41,5% dos gols do Internacional. Foram 77 tentos até aqui no ano de 2013, sendo que 32 deles foram dos estrangeiros. Forlán tem 17, D'Alessandro já fez 12 gols e Scocco contriubuiu com outros três.

Quais estrangeiros são mais decisivos? Os do Grêmio ou os do Inter? Comente!

Barcos tem 10 gols com a camisa do Grêmio
Flickr oficial do Grêmio
Barcos tem 10 gols com a camisa do Grêmio

Pelos lados do Grêmio, mesmo sem ter um gringo marcando nas duas últimas partidas da equipe ( derrota contra o Santos e vitória diante do Flamengo ), a situação é parecida. E o grande destaque da equipe tricolor na temporada é o argentino Hernán Barcos, que anotou dez gols desde que chegou ao clube, incluindo Estadual, Copa do Brasil e Brasileirão.

Os jogadores de fora são responsáveis por 34,3% dos gols gremistas em 2013 - foram 22 de 64 tentos. Além de Barcos, o chileno Vargas marcou seis, o volante paraguaio Riveros já anotou duas vezes, o uruguaio Maxi Rodriguez balaçou a rede uma vez, enquanto o argentino Bertoglio, que já saiu do clube, fez três gols.

E esses números comprovam a importância dos não-brasileiros nos arquirrivais de Porto Alegre em 2012. No ano passado, por exemplo, dos 105 gols do Internacional, apenas 18 foram de gringos - o equivalente a 17,1%. Pelo Grêmio, o percentual foi de 23,8%, com os estrangeiros marcando 30 gols do total de 126 da equipe na temporada 2012.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.