Aproveitando um bom relacionamento com a diretoria do Grêmio, Ricardo Gomes dessa vez abriu negociações para tentar contratar Marcelo Grohe, reserva imediato de Dida

O assunto vem sendo tratado com certo incômodo em São Januário, mas é fato que nenhum jogador conseguiu ainda assumir a titularidade absoluta do gol vascaíno desde que Fernando Prass foi negociado com o Palmeiras em dezembro do ano passado. Alessandro começou o ano como o escolhido, mas foi fracassando ao longo do Campeonato Carioca e perdeu espaço com a chegada de Paulo Autuori, que optou por Michel Alves.

'Desprezado', Tenorio responde à diretoria do Vasco dentro de campo

Com a nova troca do comando, foi a vez de Diogo Silva ganhar uma chance com Dorival Júnior e até hoje é o titular, embora esteja longe de ser uma unanimidade. Essa realidade levou os dirigentes vascaínos ao mercado em busca de um dono para a camisa 1.

Tentando não desequilibrar Diogo Silva, os dirigentes evitam gravar entrevistas falando sobre nomes, ainda mais depois que o presidente Roberto Dinamite criou polêmica ao dizer que está atrás de um atleta para o setor. O clube foi procurado por um empresário oferecendo o uruguaio Martín Silva, que foi vice-campeão da Copa Libertadores com o Olimpia do Paraguai. O problema é que com o fechamento da janela de transferências internacionais, esse atleta teria condições de jogar apenas em janeiro e o Vasco tem pressa.

Com boa atuação na Copa do Brasil, Diogo Silva ganha moral no Vasco

Pela segunda vez no ano o Vasco procurou o Botafogo para saber da situação de Renan. Dessa vez o diretor do departamento de futebol, Ricardo Gomes, esteve à frente da negociação. O Bota porém sequer quis escutar uma proposta, pois entende que seu goleiro reserva tem importância estratégica com as constantes convocações de Jéfferson para a seleção brasileira.

Marcelo Grohe está nos planos do Vasco
Hector Werlang
Marcelo Grohe está nos planos do Vasco

Aproveitando um bom relacionamento com a diretoria do Grêmio, Ricardo Gomes dessa vez abriu negociações para tentar contratar Marcelo Grohe, reserva imediato de Dida, mas que tem muita experiência, pois em diversas oportunidades importantes foi titular do Tricolor gaúcho. Na fase preliminar da Copa Libertadores deste ano teve papel decisivo no duelo com a LDU, do Equador, ao garantir nos pênaltis a classificação gremista para a etapa de grupos do torneio continental.

Marcelo Grohe teria se mostrado disposto a jogar no futebol do Rio de Janeiro, já que tem poucas chances no Grêmio. Além disso, já teria deixado encaminhado o acerto das bases salariais com o Vasco, faltando apenas a liberação do Grêmio. O problema é que o clube gaúcho teme perder seu reserva e Dida sofrer uma contusão. O assunto deverá ter um desfecho até este domingo, já que as duas diretorias estão em Brasília (DF) por conta dos compromissos desse fim de semana pelo Campeonato Brasileiro.

Dentro de campo o Vasco segue se preparando para o confronto com o Corinthians, neste domingo, às 16 horas (de Brasília), no Estádio Mané Garrincha, na capital federal, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. Preservados na vitória de 2 a 0 sobre o Nacional-AM, no meio de semana, pela Copa do Brasil, o zagueiro Rafael Vaz, o meia Juninho Pernambucano e o atacante André retornam.

Neste sábado os atletas ainda participam de um recreativo no Centro de Treinamento do Brasiliense, o que fechará a preparação para a partida diante do Timão. Atualmente o Cruzmaltino é o 11º colocado na tabela de classificação do Brasileirão com 19 pontos conquistados, precisando de um triunfo para tentar começar a se aproximar da zona de classificação para a próxima Copa Libertadores. A vaga no torneio continental é a principal ambição do time para essa temporada.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.