Herói do Vasco, Tenorio destaca força do Nacional-AM: "Acabou time bobo"

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Apesar de ser um time desconhecido no cenário nacional do futebol brasileiro, a equipe de Manaus já havia eliminado o Coritiba e a Ponte Preta nas fases anteriores

O estádio era acanhado, o gramado era ruim, o clima quente também não ajudava, mas o Vasco foi valente e conseguiu uma importante vitória por 2 a 0 sobre o Nacional-AM nesta terça-feira. Com o resultado, o time carioca pode até perder por um gol de diferença no jogo da volta, o que deixa a equipe de São Januário bem tranquilo. Um dos principais responsável pelo triunfo foi Carlos Tenorio. O atacante equatoriano balançou as redes nas duas ocasiões, mas não deixou de valorizar a postura adotada pelo adversário.

Com dois de Tenorio, Vasco bate Nacional-AM e já encaminha vaga

Apesar de ser um time desconhecido no cenário nacional do futebol brasileiro, o Nacional já havia eliminado o Coritiba e a Ponte Preta nas fases anteriores. Nesta terça-feira, a equipe de Manaus voltou a mostrar sua força, teve boas chances de movimentar o marcador, mas, na maioria das vezes, parou no goleiro Diogo Silva.

Flickr oficial do Vasco
Tenorio garantiu a vitória do Vasco em Manaus

"Foi uma vitoria sofrida mesmo. A gente tem que aprender muito com essas coisas. Acabou time bobo no futebol. São noventa minutos de atenção. Tivemos que correr, brigar muito e lutar pelo resultado postivio. O time deles também teve méritos. Agora, podemos descansar três dias para enfrentar o Corinthians", analisou Tenorio.

O atacante vascaíno já projeta o duelo da próxima rodada do Campeonato Brasileiro, no domingo, às 16 horas (de Brasília), contra o Corinthians, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. Para conquistar mais uma vitória, Tenorio prefere ate mesmo ‘esquecer a festividade desta quinta-feira, quando o Vasco completa 115 anos de história.

O equatoriano, no entanto, não deixou de falar sobre o que o Vasco representa para o futebol brasileiro e usou a receptividade da torcida em Manaus como exemplo. "Esse time deve parabéns a todos os torcedores de Manaus. É sempre lindo. Estou sem palavras. Só posso agradecer a eles", concluiu o artilheiro.

Leia tudo sobre: tenoriovascocopa do brasil

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas