Marcos Assunção comemora nova chance pelo Santos e admite viver 'ano difícil'

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Volante foi titular diante do Bahia e atribuiu falta de ritmo de jogo por não ter sido aproveitado mais vezes

Ricardo Saibun/Divulgação Santos FC
Marcos Assunção jogou pouco pelo Santos

Contratado no início deste ano, o volante Marcos Assunção não tem conseguido jogar regularmente em sua segunda passagem pelo Santos. Mas, depois de um período sem atuar, o experiente meio-campista atuou durante os 90 minutos do empate com o Bahia, por 0 a 0, na noite do último domingo, na Arena Fonte Nova.

Comente esta notícia com outros torcedores

A chance dada pelo técnico Claudinei Oliveira deixou Assunção animado em relação ao futuro. "Nunca deixo de trabalhar. As pessoas de Santos sabem. Independentemente de estar jogando ou não, eu sou o primeiro a chegar e treino igual aos garotos. Nunca reclamo, e jogador tem que ser assim, treinar para estar preparado quando a oportunidade surgir", disse o volante.

No entanto, Marcos Assunção reconheceu que não conseguiu manter o ritmo ideal contra o Bahia, mas acredita que pode evoluir, caso receba uma sequência de jogos maior entre os titulares santistas.

O volante ainda admitiu que não tem vivido uma temporada fácil pelo Santos. "Me faltou ritmo de jogo. Esse ano joguei pouco, mas a vontade de jogar futebol é maior, faz com que eu supere tudo. Está sendo um ano difícil mesmo, mas não desisto, não deixo de trabalhar. Sempre foi assim, nunca desisti", concluiu Assunção, de 37 anos de idade.


* Com Gazeta

Leia tudo sobre: Santosmarcos assunção

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas