Tranquilo, Pato cita sua pouca idade para justificar erros no Corinthians

Por Bruno Winckler -iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Atacante tem oito meses de clube, ainda se adapta e diz que tem muito a aprender com Tite

SERGIO BARZAGHI / Gazeta Press
Pato marcou de pênalti o gol da vitória por 2 a 0 do Corinthians

O atacante Alexandre Pato não tem pressa para ser unanimidade do Corinthians. Artilheiro do time no Brasileirão com quatro gols, o jogador concedeu entrevista nesta segunda-feira no CT do clube e avaliou como positivos os seus oito meses no clube. Ele comparou a temporada com a última que teve no Milan e avaliou por ter 23 anos não é um jogador pronto.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

“Para chegar ao topo, preciso de sequência, de minutos jogados nas pernas. E todo momento tenho tentado isso. Não é falta de vontade. Tenho 23 anos e tenho muito a aprender. Tenho um treinador sensacional e ele tem me ajudado muito, assim como os auxiliares. Ainda aprendo a chutar, cabecear. Sei que tenho muito a crescer como jogador e estou feliz por encontrar um treinador e um grupo que tem me ajudado bastante”, disse Pato.

Confira a classificação e a tabela do Brasileirão

Pato já tem 35 jogos pelo Corinthians em 2013. Marcou 11 gols. No Milan, na temporada 2011/2012, Pato jogou apenas 18 vezes, com quatro gols marcados. Apenas este número é suficiente para o jogador se convencer que esta temporada no Corinthians tem sido satisfatória.

“Passou um período no Milan em que treinava bem, chegava no jogo e me machucava. Isso me deu medo, fui perdendo a confiança, sim. Normal, acontece isso. Mas hoje não sinto nada, sinto muito forte, não sinto medo de nada. Se tiver que dar o algo a mais, correr depois do treino, depois do jogo, tudo bem, estou muito bem”, comentou o jogador.

Pato tem quatro gols no Brasileirão e é o artilheiro do Corinthians no torneio. Sem Guerrero, convocado para a seleção peruana, ele teve a chance de iniciar a partida contra o Vitória, domingo, e também será titular contra o Fluminense, quarta-feira no Maracanã. Ainda que o momento seja bom, com o Corinthians no G4 pela primeira vez no campeonato, Pato se cobra.

“Eu trabalho muito finalização, cabeceio, mas tem dias que você não está com sorte, chuta mil vezes e nada. Teve um jogo contra o Cruzeiro que tentei muito e o Fábio foi super bem. Errar é humano, todo mundo erra. Mas eu nunca vou deixar de tentar, se errar tentar novamente até que a bola entre. Vai ser assim contra o Fluminense”, disse.

Leia tudo sobre: corinthiansigsppatobrasileirao

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas