Volante ressaltou o espírito de luta e determinação da equipe mineira, mas afirmou que o empate teve um gosto amargo

O Cruzeiro manteve a liderança do Brasileiro após empatar com o Santos, no Mineirão, mas o resultado acabou com a sequência de 100% de aproveitamento da Raposa no Gigante da Pampulha. O volante Nilton lamentou o empate em casa ante o Peixe, mas destacou que o resultado foi importante porque manteve a equipe celeste na ponta da competição nacional.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

"O que importa foi que a gente continua na liderança. Com o espírito de luta e a determinação que o time mostrou aqui dentro do Mineirão, conseguimos manter a invencibilidade em casa, não perdemos", disse Nilton, que afirma que o empate teve gosto amargo pela perda dos 100% em casa, e principalmente porque o Cruzeiro teve várias chances para marcar e não aproveitou."Esse empate tem um gostinho amargo, já que tivemos oportunidades, com o próprio Goulart, e esse último momento na cara do gol é que está faltando. Às vezes teremos só uma ou duas oportunidades de gols e temos que saber matar o jogo", disse o volante, que retornou ao time titular após ser poupado por conta de dores musculares.

Confira a classificação e os próximos jogos do Brasileirão

Na quarta-feira, o Cruzeiro vai visitar o Grêmio, na nova arena do time Tricolor, e precisa somar pontos e torcer por tropeço do Botafogo, que enfrenta o Internacional, para assim, os cruzeirenses assumirem a ponta isolada do Campeonato Brasileiro. Mineiros e cariocas possuem 25 pontos, com vantagem no desempate para os celestes.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.