É clara a obrigação de uma vitória no próximo compromisso, que é justamente o clássico contra o Fluminense, marcado para este domingo

O gol do goleiro Lauro nos acréscimos do segundo tempo fez o Flamengo perder muito mais do que os dois pontos que teria se tivesse vencido a Portuguesa por 1 a 0 em Brasília (DF). O Rubro-Negro também viu escorregar pelas suas mãos a tranquilidade que viria com dois triunfos consecutivos.

Sem o volante Cáceres, Mano pode mudar esquema para o Fla-Flu

Agora, é clara a obrigação de uma vitória no próximo compromisso, que é justamente o clássico contra o Fluminense, marcado para este domingo, às 16h (de Brasília), no Maracanã, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. Apesar de no clube ninguém admitir abertamente, existe a preocupação de uma crise se instalar na Gávea em caso de derrota.

Na 13ª colocação, com 14 pontos conquistados, o Flamengo não corre o risco de encerrar a rodada na zona de rebaixamento, mesmo em caso de derrota. Isso porque os confrontos favorecem neste sentido. Mesmo assim, o ambiente é conturbado. Algumas correntes políticas pedem a saída do diretor de futebol Paulo Pelaipe, responsabilizado por contratações tidas como fracassadas, como Carlos Eduardo, um dos maiores salários do clube.

Mano Menezes ainda não embalou com o Flamengo
Fabio Castro/Agif/Gazeta Press
Mano Menezes ainda não embalou com o Flamengo

Mano Menezes, por enquanto, não está ameaçado. O treinador tem respaldo do presidente Eduardo Bandeira de Mello e até mesmo da torcida, que tem esperanças de o treinador repetir o bom trabalho desempenhado no Corinthians, também um clube de massa. Porém, os torcedores já não tem mais a mesma paciência com a diretoria e nem mesmo com os jogadores. Na tarde desta quinta-feira, no desembarque da delegação após o fiasco contra a Portuguesa, os atletas foram hostilizados ao deixarem o aeroporto.

"Eu não pago para ver esse time. Vocês vão conseguir fazer esse time cair para a Série B pela primeira vez. Eu já estou preocupado com a Terceira Divisão, pois a Série B é certa", gritava um torcedor mais irritado, cobrando ainda a demissão de Pelaipe. O episódio, porém, não se estendeu e nenhum gesto de violência foi registrado.

Alguns fatos isolados ainda contribuem para tumultuar ainda mais o ambiente. Após o empate com a Lusa, a crônica do jogo foi estampada no site oficial do Flamengo com o título "Flamengo segue imbatível em Brasília". O fato irritou os torcedores e o clube foi bombardeado na internet, tendo que alterar o texto e ainda se retratar pelo episódio.

Para agravar o quadro, reforços de peso não deverão ser contratados, ainda mais porque a janela de transferências internacionais já se fechou para a aquisição de jogadores, e o único atleta que ainda não estreou no clube é o lateral esquerdo André Santos, que está longe de ser visto como solução dos problemas pelos torcedores. Nas redes sociais, a torcida cobra o elenco, sempre com severas críticas ao departamento de futebol.

Dentro de campo, o elenco segue se preparando para o clássico. Mano Menezes não contará com o volante paraguaio Víctor Cáceres, outro suspenso por acúmulo de cartões amarelos. Assim, Luiz Antonio será recuado para ser o primeiro jogador de marcação do meio de campo e Carlos Eduardo e Adryan vão disputar uma vaga no setor. Porém, o treinador só deverá revelar a escalação no vestiário, minutos antes do confronto. Neste sábado o grupo participa de um recreativo e depois começa o período de concentração.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.