Henrique valoriza "gol de zagueiro" e quebra longo jejum no Palmeiras

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

O jogador não balançava as redes desde o dia 14 de fevereiro, quando ajudou o time a derrotar o Sporting Cristal

O zagueiro Henrique tem o costume de se aventurar no ataque, principalmente quando o Palmeiras encontra dificuldades, mas estava há bastante tempo sem fazer gols. Nesta terça-feira, o capitão foi mais uma vez ao sistema ofensivo e quebrou seu jejum na temporada, que se estendia há quase seis meses.

Mesmo sem bronca, jogadores do Palmeiras admitem correções no intervalo

"Foi um gol de zagueiro, depois que sobrou a bola", explicou o atleta, negando que tenha se posicionado como um típico atacante na área. "Na primeira chance que tive, a bola não entrou, mas deu certo na segunda".

Fernando Dantas/Gazeta Press
Henrique chuta e marca para o Palmeiras

O gol de Henrique foi o segundo do Palmeiras na vitória por 2 a 1 sobre o São Caetano. Depois de cobrança de escanteio, a defesa se preocupou mais com Vilson, e o capitão palmeirense teve liberdade para chutar forte para marcar. Minutos antes, também em bola alçada na área, o atleta mandou de cabeça para fora.

O jogador não balançava as redes desde o dia 14 de fevereiro, quando ajudou o Verdão a derrotar o Sporting Cristal (do Peru), ainda pela estreia na Copa Libertadores da América. Na época, o gol transformou Henrique no artilheiro do clube na temporada, com quatro.

Mas o quinto só saiu na noite desta terça-feira, na virada contra o São Caetano. Depois do jogo, o zagueiro explicou que o equilíbrio do confronto no Anacleto Campanella não foi surpresa.

"Nós sabíamos da dificuldade que enfrentaríamos aqui, porque é complicado jogar contra o São Caetano. Agora, temos de pensar no próximo jogo em casa, porque será mais um difícil", concluiu Henrique, em referência ao duelo de sábado, diante do Paraná, no Pacaembu.

Leia tudo sobre: palmeirashenriquesérie bigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas