Futebol italiano suspende jogador por 10 partidas por racismo

Por Reuters |

compartilhe

Tamanho do texto

Gaetano Iannini defende o Matera, clube amador, e foi expulso após ofender um adversário

Reuters

As autoridades do futebol italiano impuseram uma suspensão de 10 partidas a um jogador do clube amador Matera por insulto racial contra um oponente, sob novas penas, mais duras, introduzidas para combater o racismo.

Comente esta notícia com outros torcedores

O meia Gaetano Iannini recebeu cartão vermelho no primeiro tempo de um jogo de primeira rodada na Copa da Itália entre Matera e Sudtirol, no domingo, e sua suspensão sem precedentes de 10 partidas foi anunciada pelo conselho disciplinar da liga em um comunicado nesta quarta-feira.

"Iannini será suspenso por 10 partidas depois de fazer um comentário racial discriminatório contra um adversário aos 18 minutos do primeiro tempo", disse a liga.

A Itália tem um problema sério com discriminação no futebol, que não mostra sinais de ser erradicado, apesar de renovados esforços por parte das autoridades.

A Fifa e a Uefa prometeram tomar uma posição mais dura sobre a discriminação e, recentemente, aprovaram novas medidas para combater o racismo.

Leia tudo sobre: racismoitaliafutebol mundial

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas