Após dois tropeços, Vasco quer fazer a "lição de casa" contra a Ponte Preta

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Equipe carioca cedeu empate para o Goiás e perdeu clássico para o Botafogo. Agora, caiu para a décima posição e precisa subir na tabela

Gazeta Press
Nei e Tenorio comemoram o primeiro gol do Vasco

O Vasco não conseguiu bons resultados em suas duas últimas partidas no Campeonato Brasileiro. Primeiro cedeu o empate por 1 a 1 com o Goiás em um jogo que estava vencendo até o fim do segundo tempo. Depois, no clássico contra o Botafogo, foi superado por 3 a 2 mesmo tendo conseguido buscar o empate após estar perdendo por 3 a 2. Por conta dos dois tropeços o time aparece na parte intermediária da tabela de classificação, em décimo lugar com 14 pontos, e, agora, sabe que é fundamental derrotar a Ponte Preta em duelo marcado para esta quinta-feira, às 21 horas (de Brasília), em São Januário, no Rio de Janeiro (RJ), pela 12ª rodada do Brasileirão.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

"Para nós esse jogo é considerado chave, muito importante, porque não conseguimos ter o resultado esperado nas duas últimas partidas que fizemos no Campeonato Brasileiro e não podemos deixar de fazer a lição de casa. Para nós o foco está todo nesta partida contra a Ponte Preta, que será complicada e não podemos vacilar", afirmou o zagueiro Renato Silva.

Veja a tabela de jogos e a classificação do Campeonato Brasileiro

Opinião parecida tem o lateral direito Nei. "Nós tivemos um empate contra o Goias em um jogo que estávamos ganhando até o fim. Depois perdemos para o Botafogo em um jogo que estava nos nossos planos pontuar. Assim, deixamos escapar pontos importantes dentro do nosso planejamento no Campeonato Brasileiro e eles poderão fazer muita falta lá na frente. Portanto, não podemos deixar de somar os três pontos contra a Ponte Preta", disse Nei.

O volante Pedro Ken alerta sobre os problemas que um novo tropeço no Campeonato Brasileiro pode gerar para a sequência do trabalho. "O Campeonato Brasileiro é uma competição em que os clubes ficam em gangorra, subindo e descendo na tabela de classificação. Como não conseguimos atingir nossos objetivos contra Goiás e Botafogo, a partida diante da Ponte Preta passou a ter uma importância muito grande, senão podemos começar a ficar em situação delicada", afirmou.

Nesta quarta-feira os jogadores do Vasco participam de um treino recreativo na parte da tarde, no CFZ, e depois começa o período de concentração para o duelo contra a Ponte Preta.

Leia tudo sobre: Vascobrasileiro

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas