Marcelo Moreno chora após lesão e torce: "Tomara que não seja nada"

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Atacante sentiu uma fisgada na coxa no lance do primeiro gol do Flamengo na vitória diante do Atlético-MG, em Brasília

Uma das imagens mais marcantes do jogo entre Flamengo e Atlético-MG, na tarde deste domingo, pelo Campeonato Brasileiro, foi o atacante Marcelo Moreno, substituído no começo do jogo por lesão na coxa esquerda, chorando no banco de reservas do Estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília.

Veja a classificação e a tabela de jogos do Campeonato Brasileiro

Após sair mancando de campo, o boliviano foi substituído por Rafinha e, pouco tempo depois, foi flagrado pelas câmeras de televisão aos prantos e já fazendo tratamento médico no local. Ele deverá ser avaliado pelo departamento médico do clube nesta segunda-feira.

Flamengo atropela o Atlético-MG em Brasília e deixa zona de rebaixamento

"Senti uma fisgada na coxa direita. Então, tenho que esperar. Vou fazer uma ressonância (magnética). Tomara que não seja nada, porque quero continuar jogando e ajudando o Flamengo", disse Moreno, que deu assistência para Nixon abrir o placar da vitória por 3 a 0 sobre o Galo.

O time rubro-negro não sentiu muito a ausência, já que marcou gols com Elias e Paulinho. No entanto, ele poderá ficar fora da partida com a Portuguesa, nesta quarta-feira, às 21 horas (de Brasília), válida pela 12ª rodada da Série A. O duelo será novamente na capital brasileira.

Os flamenguistas voltaram a vencer após três rodadas e deixaram a zona de rebaixamento da competição nacional. Sem o complemento desta 11ª rodada, eles aparecem na 12ª colocação, com 13 pontos, mas ainda estão distantes do G-4, que classificará os quatro melhores para a Libertadores de 2014.

Leia tudo sobre: FlamengoMarcelo MorenoBrasília

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas