Com 15 pontos conquistados, o Oeste está apenas quatro atrás do Figueirense, quarto colocado na Série B do Brasileirão

O Oeste é apenas o décimo colocado da Série B do Campeonato Brasileiro, com 15 pontos, quatro a menos que o Figueirense, último do G4. Para não deixar os rivais da parte de cima abrirem, a equipe recebe nesta sexta-feira, a partir das 21h50 (de Brasília), o desesperado ASA-AL, que está na penúltima posição.

O Rubrão vem de uma vitória em casa sobre o Guaratinguetá por 1 a 0, quebrando uma série invicta do rival. A vitória representou um salto na tabela e uma mudança na moral da equipe, que agora briga na metade de cima da tabela.

O técnico do time, Edison Só, deve manter o 3-5-2, esquema que funcionou contra o Guará. Antes, o time vinha jogando no 4-4-2. Sem desfalques em relação ao time que encarou a Garça, a equipe deve ser a mesma contra os alagoanos.

"Estamos em busca de um equilíbrio maior para a equipe, mas temos alguns jogadores no departamento médico, outros chegando. Então com o tempo vamos ganhando uma identidade", declarou o treinador.

O Alvinegro alagoano, por sua vez, sofre com problemas nos bastidores e de lesões, enquanto tem dificuldades para engatar uma sequência de vitórias para sair da zona de rebaixamento. Nesta quinta-feira, a diretoria anunciou que vai dispensar alguns jogadores do elenco e emprestar outros. O lateral Gabriel e o meia Gilsinho são nomes certos para sair da equipe.

As outras más notícias vêm do departamento médico. Reinaldo Silva e Glaybson, lesionados não entram em campo contra os paulistas. O grande problema, porém, é Lúcio Maranhão, que foi diagnosticado com um rompimento no ligamento colateral do joelho e não joga nos próximos 45 dias.

O presidente executivo do time, Jotinha Alexandre , garante que o time está trabalhando forte para sair da atual situação. "Não há como negar que o time vive um momento de turbulência. Mas, quem vive no mundo do futebol, sabe que esse tipo de situação é possível de acontecer. Posso garantir que não é nada desesperador e que a diretoria do ASA está trabalhando arduamente e friamente para melhorar esse ambiente, dentro e fora de campo. Estamos unidos como nunca", afirmou o dirigente.

FICHA TÉCNICA
OESTE X ASA-AL

Local: Estádio dos Amaros, em Itápolis (SP)
Data: 2 de agosto de 2013, sexta-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Fabio Filipus (PR)
Assistentes: Moises Aparecido Aparecido de Souza e Arestides Pereira da Silva Junior, ambos do PR

OESTE: Fernando Leal; Adriano Alves, Dezinho, Ligger; Arnaldo, Fernandes, João Denoni, Marcos Paraná e Piauí; Emerson e Eli (Bruno Nunes).
Técnico: Edison Só

ASA-AL: Gilson, Osmar, Tiago Garça, Samuel e Thalysson; Jorginho, Rudiero, Didira e Valdívia; Wanderson e William Henrique.
Técnico: Leandro Campos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.