Após 38 partidas, o Atlético-MG sofreu a primeira derrota derrota no Estádio Independência

Jogadores do Atlético-PR celebram gol na vitória contra o Atlético-MG
Yuri Edmundo/Gazeta Press
Jogadores do Atlético-PR celebram gol na vitória contra o Atlético-MG

O Atlético-MG não fez um bom jogo nesta quarta-feira, contra o xará paranaense, e acabou derrotado por 2 a 1 , resultado que acaba com a invencibilidade do Atlético-MG no Horto. A virada do Atlético-PR só surgiu após a expulsão de Bernard, que levou o segundo amarelo após tirar a camisa na comemoração do gol atleticano.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

O atacante Alecsandro afirmou que a culpa da derrota é de todo o grupo, eximindo Bernard de responsabilidade. "Não tem que culpar ninguém. Quando ganha é todo mundo que ganha, quando perde é todo mundo que perde. Então todo mundo perdeu hoje. A equipe dentro do possível jogou para vencer, estava vencendo a partida até os 37 minutos do segundo tempo, mas acabou tomando dois gols e perdemos", declarou.

O atacante Diego Tardelli lamentou a derrota alvinegra no Independência. "Ficamos com um a menos, e quando pensamos que estávamos absolutos no jogo eles criaram duas oportunidades e mataram o jogo", disse Tardelli, chateado com o fim da invencibilidade do Galo no Horto.

"A gente fica triste pela derrota principalmente pelo tabu quebrado. A gente tinha uma sequência de vitórias dentro de casa, e uma hora isso ia acontecer. Aconteceu em um momento ruim porque a gente queria fechar com chave de ouro por causa do Bernard, mas infelizmente Campeonato Brasileiro é isso", afirmou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.