Com time misto, São Paulo perde para Milan, termina em 4º e amplia jejum

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Gol de Kingsley Boateng na disputa pelo terceiro lugar da Copa Audi decretou a 14ª partida sem vitórias do time paulista

Matthias Schrader/AP
Boateng chuta e Dênis não evita o gol do Milan

O São Paulo entrou em campo com apenas três titulares nesta quinta-feira e até fez um bom primeiro tempo, mas foi derrotado pelo Milan por 1 a 0, encerrando sua participação na Copa Audi em quarto lugar. O segundo revés em dois dias na Allianz Arena, este com gol de Kingsley Boateng, aumenta para 14 o número de partidas seguidas sem vitória da equipe brasileira.

Comente esta notícia com outros torcedores

O próximo compromisso do time treinado por Paulo Autuori será em Lisboa, no sábado, contra o Benfica. A partida é válida pela Copa Eusébio, segundo torneio amistoso da excursão-paulina, que terminará na quarta-feira, no Japão, onde encara o Kashima Antlers, pela Copa Suruga (única competição oficial da viagem).

Nesta quinta-feira, para evitar maior desgate, só três jogadores foram mantidos em relação ao time que perdeu para o Bayern de Munique: os laterais Douglas e Silvinho e o volante Rodrigo Caio, único homem de marcação no meio-campo. Lucas Evangelista, Maicon e Ganso (capitão nesta quinta-feira, já que o goleiro era Denis, e não Rogério Ceni) tinham a missão de municiar a dupla de atacantes Silvinho e Aloísio.

Diante de um adversário igualmente descaracterizado, o São Paulo se comportou de maneira bem diferente da estreia, quando atuou quase sempre com seus 11 homens atrás da linha da bola, à espera de contragolpes. Contra o Milan, a equipe brasileira não se limitou a defender e criou oportunidades de balançar a rede logo nos minutos iniciais do primeiro tempo.

Leia mais: Ex-companheiros no Bayern, Élber lamenta situação de Lúcio no São Paulo

Aos cinco, Silvinho disparou com liberdade em direção à grande área e tocou para Ganso. O meia perdeu a passada, mas ainda se recuperou ao girar sobre a marcação e bater no canto esquerdo de Amelia, que se esticou e espalmou para escanteio. O goleiro italiano salvaria seu time mais vezes antes do intervalo. Antes disso, foi o Milan quem assustou a meta de Denis, que iniciou a partida aparentemente nervoso ao soltar uma bola de fácil defesa.

As chegadas italianas conseguiam furar a zaga são-paulina, nesta quinta-feira armada com os reservas Edson Silva e Lucas Silva, mas não eram trabalhadas com muito capricho. El Shaarawy chegou a estar de frente para Denis e chutou fraco. Nos outros lances, o goleiro brasileiro se antecipou e agarrou a bola com tranquilidade ou, no caso de arremate de Petagna, contou com ajuda do travessão.

O São Paulo quase abriu o placar com Maicon, aos 31 minutos. O meia arriscou da meia esquerda e viu Amelia espalmar, no ângulo direito. Três minutos depois, Aloísio aproveitou desarme de Lucas Evangelista para chutar de primeira, da meia-lua, e parar novamente no goleiro italiano. Um primeiro tempo equilibrado, com ligeira vantagem do Milan na posse de bola, não traduzida em superioridade de fato.

Mandzukic comemora com seus companheiros o segundo gol do Bayern de Munique sobre o Manchester City na final da Copa Audi. Foto: APMandzukic fez o gol da virada do Bayern sobre o Manchester City: 2 a 1. Foto: Getty ImagesNegredo abriu o placar para o Manchester City diante do Bayern de Munique. Foto: APRodrigo Caio e Patagna disputam a bola pelo alto. Foto: MICHAELA REHLE/REUTERSDouglas passa pela marcação de Emanuelson. Foto: MICHAELA REHLE/REUTERSRodrigo Caio e Cristante disputam a bola pelo alto. Foto: Matthias Schrader/APAloísio sofre com a marcação do Milan em jogo pela Copa Audi. Foto: Matthias Schrader/APBoateng chuta e Dênis não evita o gol do Milan. Foto: Matthias Schrader/APSilvinho e Pacífico brigam pela bola na partida entre São Paulo e Milan. Foto: Matthias Schrader/APMitchell Weiser chuta para fazer o segundo gol do Bayern de Munique em cima do São Paulo na Copa Audi. Foto: Getty ImagesJogadores do Bayern de Munique comemoram gol de Mandzukic na vitória sobre o São Paulo na Copa Audi. Foto: APOsvaldo tenta desarmar Robben na derrota do São Paulo para o Bayern de Munique na Copa Audi. Foto: Getty ImagesRogério Ceni conversa com Wellington durante a derrota do São Paulo para o Bayern de Munique (31/7). Foto: Getty Images/Stuart FranklinPep Guardiola, técnico do Bayern de Munique, dá autógrafo para torcedor antes de partida contra o São Paulo. Foto: Getty ImagesObservado por Alaba e Toni Kroos, Aloísio tenta dominar a bola na partida entre São Paulo e Bayern de Munique pela Copa Audi. Foto: Getty ImagesSão Paulo joga contra Bayern de Munique na Copa Audi. Foto: APSão Paulo joga contra Bayern de Munique na Copa Audi. Foto: APSão Paulo joga contra Bayern de Munique na Copa Audi. Foto: APJogadores do Manchester City celebram gol de Dzeko na vitória por 5 a 3 sobre o Milan. Foto: Matthias Schrader/APRichards e El Shaarawy em lance do amistoso. Italiano foi responsável por reação do Milan. Foto: Matthias Schrader/AP

No intervalo, Autuori fez quatro alterações. Sacou Douglas, Reinaldo, Edson Silva e Rodrigo Caio para colocar Lucas Farias, João Schmidt, Rafael Toloi e Wellington. Mas seria uma substituição de Massimiliano Allegri que teria mais efeito: Kingsley Boateng entrou no lugar de El Shaarawy e, aos sete minutos, recebeu passe de Emanuelson nas costas de Lucas Silva, invadiu a área e pôs a bola entre as pernas de Denis.

Aos 14 minutos, Silvinho tentou enfiar bola para Ganso por trás da marcação, mas o meia foi derrubado com falta por Poli, perto da área. Sem Rogério Ceni - o goleiro chegou a ser filmado e apareceu no telão do estádio neste momento -, o batedor foi Maicon, que não levou perigo algum ao gol de Amelia, chutando por cima do travessão. Na sequência, Autuori mexeu em mais três posições.

Com Jadson, Roni e Ademilson nos lugares de Ganso, Silvinho e Aloísio, o São Paulo não melhorou. Osvaldo também entrou em campo mais tarde, na vaga de Lucas Evangelista. Nada que ameaçasse o triunfo do Milan na Allianz Arena.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 0 X 1 MILAN

Local: Allianz Arena, em Munique (Alemanha)
Data: 1º de agosto de 2013 (quinta-feira)
Horário: 13h15 (de Brasília)
Árbitro: Gunter Perl (ALE)
Assistentes: Georg Schalk (ALE) e Lothar Ostheimer (ALE)
Cartões amarelos: Roni (São Paulo); Poli (Milan)

Gol: MILAN: Kingsley Boateng, aos sete minutos do segundo tempo

SÃO PAULO: Denis; Douglas (Lucas Farias), Edson Silva (Rafael Toloi), Lucas Silva e Reinaldo (João Schmidt); Rodrigo Caio (Wellington), Lucas Evangelista (Osvaldo), Maicon (Fabrício) e Ganso (Jadson); Silvinho (Roni) e Aloísio (Ademilson)
Técnico: Paulo Autuori

MILAN: Amelia; Pacifico, Zaccardo, Vergara e Emanuelson; Cristante, Poli (Traoré) e Nocerino; Niang (Constant), Petagna (Kevin-Prince Boateng) e El Shaarawy (Kingsley Boateng)
Técnico: Massimiliano Allegri

Leia tudo sobre: são paulomilancopa audiitalia

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas