O treinador também elogiou bastante o volante paraguaio Riveros, que estreou pelo Grêmio e marcou um gol no jogo deste domingo contra o Fluminense

Grêmio bateu o Fluminense no Sul
VINÍCIUS COSTA/Preview.com/Gazeta Press
Grêmio bateu o Fluminense no Sul

O técnico Renato Gaúcho apontou o intervalo do jogo entre Grêmio e Fluminense como o momento em que a vitória passou a pender para o lado gaúcho neste domingo. Segundo o treinador, após um primeiro tempo de altos e baixos, o time gremista corrigiu os problemas de marcação apresentados diante do Flu na base da conversa, e começou a se impor sobre o time de Abel Braga no começo do segundo tempo.

"No intervalo do jogo nós conversamos e começamos a acertar a marcação. No primeiro tempo nós deixamos o Fluminense jogar como ele gosta de jogar. Os jogadores do Flu são tecnicamente muito bons. Mas no intervalo eu corrigi, adiantei o time e não deixamos mais o adversário jogar", explicou Renato.

O técnico gremista evitou qualquer tipo de comentário sobre o Gre-Nal do próximo domingo. "A concentração para o Gre-Nal começa no sábado, e não vai mudar nada o nosso procedimento. Nem estou pensando no Gre-Nal, pois temos que enfrentar antes o Corinthians, e agora estou pensando no Corinthians, como nos últimos dias pensei no Fluminense. Não adianta dar o passo maior que a perna".

Renato também elogiou bastante o volante paraguaio Riveros, que estreou e marcou um gol no jogo deste domingo. Sobre o bom desempenho de Kleber, atualmente reserva de Vargas e Barcos no ataque, Renato admite que o Gladiador pode ganhar um lugar no time se mantiver o nível. "o jogador é que se escala, aproveitando as oportunidades. É uma dor de cabeça, mas uma dor de cabeça boa", finalizou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.