Nova formação tática deu resultado na vitória diante do Goiás

O técnico Cristóvão Borges em sua apresentação
Edson Ruiz/Site oficial do Bahia
O técnico Cristóvão Borges em sua apresentação

No domingo, o Bahia conseguiu sua primeira vitória dentro de casa no Brasileirão, diante do Goiás, utilizando um novo esquema de jogo. Para melhorar a criação da equipe, o treinador Cristóvão Borges testou uma formação com três meias ao invés de dois, promovendo a entrada de Marquinhos Gabriel no lugar do volante Rafael Miranda.

Comente esta notícia com outros torcedores

O quinteto inicial do meio de campo foi formado pelos volantes Hélder e Feijão, com Marquinhos, Anderson Talisca e Wallyson na armação de jogadas. A mudança surtiu efeito positivo, com o novo ingressado anotando os dois gols do time na partida. Mas a equipe perdeu o domínio do centro de campo no decorrer da partida.

Cristóvão Borges falou sobre o primeiro teste do novo esquema: "Foi a primeira vez que jogamos assim com esses jogadores. O que dificultou bastante é que o Walter joga muito avançado e fez com que nossa defesa ficasse distante. Não conseguimos compactar, e o espaço para a marcação de Hélder e Feijão ficou grande".

"A ideia é essa. No Brasileiro, todo mundo se conhece e está se vendo o tempo inteiro. É necessário que se tenha alternativa de sistema de jogo para variar. Tenho mais uma alternativa para que a gente não fique previsível", completou.

Com mais trabalho na marcação, o volante Hélder também afirmou que ainda há trabalho a se fazer para aperfeiçoar a nova maneira de jogar: "O objetivo foi conquistado, mas sabemos que temos que melhorar muito. No segundo tempo, a gente recuou um pouco, deixou os caras atacarem. Testamos o poder de marcação, que é muito bom, mas a gente tem que jogar também para aumentar a vantagem, e o jogo ficar mais tranquilo".

O Bahia volta a campo nesta quarta, contra o Flamengo, novamente na Arena Fonte Nova. Válida pela 10ª rodada do Brasileirão, a partida acontece às 21h50.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.