"Precisávamos de um jogador como Higuaín", afirma técnico do Napoli

Por iG São Paulo * |

compartilhe

Tamanho do texto

Rafa Benitez exalta contratação do atacante argentino, que estava no Real Madrid e foi adquirido pelo clube italiano por R$ 110,5 milhões

AP
Higuaín: atacante argentino trocou o Real Madrid pelo Napoli

Após vender o centroavante Edinson Cavani ao Paris Saint-Germain por 63 milhões de euros (aproximadamente R$ 188,2 milhões), o Napoli intensificou a busca por um substituto e acertou com o argentino Gonzalo Higuaín. Empolgado, o treinador da equipe italiana, Rafael Benítez, exaltou a contratação do atacante do Real Madrid e projetou sucesso para próxima temporada.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Estávamos procurando um jogador de qualidade que atuasse no mais alto nível. Contratamos um atleta do Real Madrid, que marcou muitos gols e que se adaptará bem ao nosso sistema de jogo, ao nosso ataque. Precisávamos de um jogador como Higuaín", destacou o técnico em entrevista ao jornal Corriere Dello Sport.

Insatisfeito com seu aproveitamento no Real Madrid, Higuaín havia manifestado desejo de trocar de clube ainda nesta janela de transferências . A imprensa britânica havia afirmado que o Arsenal estava muito próximo de concretizar a negociação, mas o Napoli levou vantagem financeira. Para acertar a contratação, o clube italiano desembolsou 37 milhões de euros (aproximadamente R$ 110,5 milhões) em valores fixos e outros 3 milhões de euros (cerca de R$ 8,9 milhões) em variáveis.

Higuaín chegou ao Real Madrid em dezembro de 2006, contratado por 12 milhões de euros (por volta de R$ 35,8 milhões, em valores atuais) em negociação com River Plate. Desde então, conquistou tricampeonato nacional, duas edições da Supercopa da Espanha e uma Copa do Rei. Na última temporada, o camisa 20 entrou em campo em 44 oportunidades pelo time branco, sendo 27 como titular, e marcou 18 gols.

Em fase de transição com a chegada de Rafael Benítez, o Napoli também já acertou as contratações do goleiro Pepe Reina (Liverpool), do zagueiro Raúl Albiol (Real Madrid) e dos atacantes Dries Mertens (PSV Eindhoven) e José Callejón (Real Madrid).

*Com Gazeta

Leia tudo sobre: futebol mundialitálianapoli

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas