Sheik promete menos atrasos em treinos: 'Quando não dá, pego um helicóptero'

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Em tom de brincadeira, atacante diz que renovação com o Corinthians equivale a "contratação de um grande jogador"

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians
Emerson Sheik em treino do Corinthians nesta quarta-feira

Emerson chegou à entrevista que concedeu nesta quarta-feira, no CT do Parque Ecológico, comemorando "a contratação de um grande jogador" pelo Corinthians. Ele não estava falando do zagueiro Cleber. "Tá de sacanagem? Lógico que sou", sorriu o Sheik, questionado na sequência sobre por que é um bom reforço. "Sei lá, cara. Tenho cem jogos e cinco títulos. Acho que ajudo."

Comente esta notícia com outros torcedores

De contrato renovado até julho de 2015, o atacante espera repetir até lá o que conseguiu desde sua chegada, em 2011. Os feitos incluem conquistas importantes, desempenhos memoráveis em jogos decisivos e atrasos frequentes aos treinamentos, algo que chegou a ser minimizado com o uso de um helicóptero.

"Então... É, eu acho que vou chegar atrasado em algum momento, não vou mentir. Mas meus atrasos tiveram justificativas, né? Eu moro longe, lá em Alphaville, peguei acidente duas ou três vezes. Uma vez, fui para o Rio, meu filho ficou doentinho. Perdi a noção, fiquei lá. Mas estou mais experiente e sei exatamente o transtorno que isso causa", afirmou. Antes do último Mundial, Tite contou ter punido Emerson pelo recorrente problema. Houve uma semana em que o atleta teve de chegar todos os dias antes dos demais. Se diminuiu a incidência no erro, ele não foi extinto, com justificativas como uma doença de sua macaca Cuta.

Leia mais: Emerson xinga Amarilla e diz que Jorge Henrique passou dos limites

"Vamos apostar aí, vamos ver quantas vezes isso vai acontecer nos próximos 24 meses, até o final desse meu novo contrato. No final, você vai se surpreender. Vai acontecer uma vez, duas. E, mesmo quando me atraso, eu treino para caramba, não tem tempo ruim. Quando não dá, eu pego um helicóptero", sorriu.


* Com Gazeta

Leia tudo sobre: emerson sheikcorinthiansatrasoshelicoptero

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas