Diferentemente de outros dias em que preferiu se reservar em sua sala, o presidente se sentou na arquibancada do campo principal e viu um jogo-treino dos reservas

Juvenal marcou presença em treino do São Paulo
Fernando Dantas/Gazeta Press
Juvenal marcou presença em treino do São Paulo

Pivô de confusão em churrasco realizado no domingo, na sede social do São Paulo , Juvenal Juvêncio esteve na tarde desta segunda-feira no CT da Barra Funda. Diferentemente de outros dias em que preferiu se reservar em sua sala, o presidente se sentou na arquibancada do campo principal e viu um jogo-treino dos reservas.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

O mandatário teve companhia ao longo dos dois tempos de 30 minutos cada. As principais foram Roberto Natel (vice-presidente social e de esportes amadores), Osvaldo Vieira de Abreu (diretor financeiro) e José Moreira (diretor social), além de Marcelo Lima (coordenador técnico da base) e Sérgio Baresi (técnico da equipe sub-20).

Já Adalberto Baptista, um dos principais alvos de crítica da torcida, ficou ao lado da comissão técnica de Paulo Autuori. O único momento em que o diretor de futebol se juntou à cúpula foi no intervalo, quando subiu para a arquibancada com Milton Cruz (coordenador técnico do profissional) e testemunhou de perto algumas gargalhadas de Juvenal e dos demais dirigentes. Antes do reinício do jogo, porém, voltou para o campo.

E mais: Churrasco no Morumbi termina em briga entre grupos pró e contra Juvenal

No domingo, dia seguinte à derrota por 3 a 0 para o Cruzeiro, Juvenal participou de churrasco no Morumbi e se exaltou contra membros da oposição. No encontro pouco amigável, membros da principal torcida organizada do clube tomaram partido contra aqueles que defendiam a candidatura do oposicionista Marco Aurélio Cunha, ex-superintendente do clube.

Um dia depois, reservado no espaço ao qual apenas pessoas autorizadas têm acesso, o presidente viu o zagueiro Lucão e o atacante Silvinho marcarem os gols da vitória desta segunda-feira por 2 a 0 sobre o Audax, time que disputará a primeira divisão estadual no ano que vem. Os atletas que jogaram no sábado ficaram no Reffis. O São Paulo vem de sete derrotas consecutivas e não vence há dez jogos. Seu próximo jogo será às 21 horas (de Brasília) desta quarta-feira, frente ao Internacional, no Morumbi.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.