Substituído e vaiado, Luis Fabiano assume pior fase da carreira

Por Gazeta | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Atacante do São Paulo reconhece que passa por um péssimo momento dentro de campo e pede tranquilidade para sair da crise

A má fase do São Paulo na temporada afeta diretamente um dos principais jogadores do elenco. O atacante Luis Fabiano, que foi substituído por Paulo Autuori neste sábado, na derrota por 3 a 0 para o Cruzeiro, e reconheceu que nunca passou por uma fase tão difícil na carreira e tenta manter a calma para encontrar uma saída da crise.

Djalma Vassão/Gazeta Press
O atacante Luís Fabiano deixa o campo cabisbaixo durante a partida contra o Cruzeiro

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Temos de aguentar e tirar o São Paulo dessa situação. É a pior fase da minha carreira, mas precisamos passar por algumas coisas e enfrentar com a cabeça erguida. Vamos continuar trabalhando para tirar o São Paulo disso", afirmou.

Luis Fabiano foi obrigado a deixar a partida contra o Cruzeiro aos 12 minutos do segundo tempo, quando Paulo Autuori decidiu apostar em Aloísio. Apesar de a mudança não ter evitado o vexame são-paulino, o treinador explicou que precisou tirar o centroavante em função de sua falta de movimentação na frente."Infelizmente, o Luis estava sem a mobilidade necessária. Depois disso, o time teve mais mobilidade", explicou o treinador, que não fugiu de sua responsabilidade na mudança. "O mais bonito é olhar um na cara do outro e falar as coisas. Há momentos em que você tenta e, caso não dê, tem de mudar nomes mesmo".

Veja também: Luan faz três, Cruzeiro vence no Morumbi e impõe 7ª derrota seguida ao São Paulo

No momento em que deixava o campo, o camisa 9 foi vaiado por uma parte da torcida. Depois da derrota por 3 a 0, voltou a ser xingado durante o protesto das organizadas em frente ao Morumbi, mas espera se manter pronto para reagir na tabela do Campeonato Brasileiro.

Veja os gols de São Paulo 0 x 3 Cruzeiro

"Temos de nos preocupar primeiro em ganhar um jogo, porque as coisas vão acontecendo naturalmente. Não adianta pensar em rebaixamento, precisamos melhorar", acrescentou.

Confira a classificação do Brasileirão

Com apenas oito pontos, o São Paulo aparece no 15º lugar no Brasileirão, mesmo tendo uma partida a mais, e corre o risco de terminar a rodada deste fim de semana na zona de rebaixamento.

Leia tudo sobre: são pauloluis fabianobrasileirãoigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas