Oswaldo minimiza má fase do Náutico e pede para o Botafogo manter a postura

Por iG São Paulo * |

compartilhe

Tamanho do texto

Adversário do clube carioca na próxima rodada do Brasileirão, time pernambucano é o lanterna da competição

Flickr/Botafogo
Oswaldo de Oliveira, técnico do Botafogo

O Botafogo perdeu a liderança do Brasileirão na última rodada, mas tem a chance de recuperá-la neste sábado. A equipe comandada por Oswaldo de Oliveira recebe o Náutico, lanterna da competição, no Estádio de São Januário, às 18h30 (de Brasília). A situação delicada do adversário, no entanto, não é motivo para deixar o treinador confortável.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"O Náutico é um time que vem procurando afirmação, com novos jogadores o tempo todo, procurando um novo ciclo. No Campeonato Brasileiro, é normal equipes iniciarem mal, depois terem outra realidade. Temos que nos ater à nossa e procurar vencer o jogo, sem ignorar o adversário. A situação do Náutico não vai alterar nossa postura, para nos mantermos em posição merecida pelo que o Botafogo vem realizando no campeonato", afirmou.

Para o duelo contra o lanterna, Oswaldo de Oliveira tem apenas um desfalque: o lateral direito Lucas. Para a posição, o comandante alvinegro vai postar em Gilberto e já tem sua equipe definida para o confronto. Diante do Náutico, o Botafogo vai jogar com Jefferson, Gilberto, Bolívar, Dória e Julio Cesar; Gabriel, Renato, Lodeiro, Seedorf e Fellype Gabriel; Rafael Marques.

"Gilberto já atua desde o ano passado e iniciou esse ano muito bem. Nossa busca é que consiga se firmar e se manter em desenvolvimento. É um jogador mais forte, tem característica bem definida. Lucas é importantíssimo no esquema, sabe se posicionar muito bem atacando e defendendo. Estamos procurando passar isso para o Gilberto ter tranquilidade e render o que a equipe precisa", explicou Oswaldo de Oliveira.

Leia tudo sobre: BotafogoBrasileirão

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas